Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.999,12
    -1.741,34 (-4,61%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Cansaço ou displicência? Derrota do Fluminense para o Junior repercute nas redes

·2 minuto de leitura

A noite que tinha tudo para ser especial para o torcedor do Fluminense, acabou se transformando em um pesadelo. Precisando apenas de um empate no Maracanã para carimbar sua classificação às oitavas da Conmebol Libertadores, o Tricolor Carioca teve uma exibição muito abaixo da média e acabou batido por um desfalcado Junior Barranquilla: 2 a 1, resultado que embola de vez o grupo D da competição.

Nas redes sociais, os torcedores tricolores divergiram no foco das críticas. Muitos culparam os três gols claros perdidos no primeiro tempo - Kayky, Luiz Henrique e Fred tiveram chances cristalinas de ir às redes quando o marcador ainda apontava 0 a 0 -, enquanto outros criticaram a gestão de elenco de Roger Machado, que rodou pouco seu time nas últimas semanas. Alguns titulares como Yago Felipe, Martinelli e Calegari se mostraram muito cansados no decorrer da partida, levantando questionamentos sobre a maratona de compromissos e a forma como a comissão técnica gerenciou a minutagem dos jogadores.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.
Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Em entrevista concedida após o encerramento da partida, Nenê atribuiu a derrota à desatenção coletiva do time: "A gente tem que aprender que a gente não pode bobear um minuto, não pode perder intensidade. A Libertadores é diferente, temos que estar ligados o tempo todo. Serve de lição para sabermos que na Libertadores não pode ter esse tipo de desatenção", afirmou.

Com 8 pontos conquistados, o time das Laranjeiras ainda é o líder da chave, mas pode perder a posição caso o River Plate vença o Santa Fe na quarta-feira (19). O que mais preocupa o torcedor é o fato de que o Fluminense provavelmente precisará de pontos na Argentina contra o campeão de 2018, posição altamente desconfortável.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos