Mercado abrirá em 3 h 2 min
  • BOVESPA

    121.801,21
    -1.775,35 (-1,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.195,43
    -438,48 (-0,85%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,74
    +0,59 (+0,87%)
     
  • OURO

    1.813,90
    -0,60 (-0,03%)
     
  • BTC-USD

    37.988,59
    +157,46 (+0,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    937,85
    +11,09 (+1,20%)
     
  • S&P500

    4.402,66
    -20,49 (-0,46%)
     
  • DOW JONES

    34.792,67
    -323,73 (-0,92%)
     
  • FTSE

    7.118,32
    -5,54 (-0,08%)
     
  • HANG SENG

    26.204,69
    -221,86 (-0,84%)
     
  • NIKKEI

    27.728,12
    +144,04 (+0,52%)
     
  • NASDAQ

    15.099,25
    +25,75 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1463
    +0,0280 (+0,46%)
     

Canadá decreta fim dos carros a combustão para 2035

·1 minuto de leitura

O Canadá anunciou nesta semana que irá banir a venda e produção de carros a combustão em 2035. Com a medida, o governo do país espera chegar em 2050 com zero emissão líquida de poluentes causada por essa indústria. Atualmente, apenas 3,5% dos veículos vendidos no Canadá são elétricos e a expectativa é que, com os estímulos governamentais e popularização da tecnologia, as pessoas passem a adquirir mais carros com esse tipo de propulsor.

"Estamos comprometidos em alinhar as metas de vendas de veículos de emissão zero do Canadá com as das jurisdições mais ambiciosas da América do Norte. Trabalharemos com os Estados Unidos para harmonizar as regulamentações de eficiência de combustível e estamos investindo em descontos para consumidores, estações de recarga, incentivos fiscais para empresas e custos de transição da indústria", disse Jonathan Wilkinson, ministro do Meio Ambiente do Canadá, em comunicado enviado à imprensa.

Segundo a Reuters, algumas regiões do Canadá já estão com a legislação mais avançada com relação aos carros elétricos, porém com datas diferentes da administração nacional. Em Britsh Columbia, por exemplo, já existe uma restrição imposta a carros movidos a gasolina e diesel para 2040. Há, também, uma sinergia com o estado da Califórnia, nos Estados Unidos, devido à proximidade geográfica. Por lá, as proibições dessa natureza foram impostas para 2035.

O Renault Zoe é um dos carros elétricos vendidos no Canadá (Imagem: Divulgação/ Renault)
O Renault Zoe é um dos carros elétricos vendidos no Canadá (Imagem: Divulgação/ Renault)

A administração do primeiro-ministro Justin Trudeau também confirmou que irá realizar modificações intermediárias em 2025 e 2030, de modo a facilitar a transição completa para a eletrificação. Além dos carros de passeio, também será proibida a produção e venda de caminhões e veículos comerciais leves a combustão.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos