Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.941,68
    -160,31 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.599,38
    -908,97 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,83
    -0,72 (-0,84%)
     
  • OURO

    1.836,10
    -6,50 (-0,35%)
     
  • BTC-USD

    35.593,71
    -3.138,41 (-8,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    870,86
    +628,18 (+258,85%)
     
  • S&P500

    4.397,94
    -84,79 (-1,89%)
     
  • DOW JONES

    34.265,37
    -450,02 (-1,30%)
     
  • FTSE

    7.494,13
    -90,88 (-1,20%)
     
  • HANG SENG

    24.965,55
    +13,20 (+0,05%)
     
  • NIKKEI

    27.522,26
    -250,67 (-0,90%)
     
  • NASDAQ

    14.411,00
    -430,00 (-2,90%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1900
    +0,0599 (+0,98%)
     

Campeão da Libertadores, Palmeiras se classifica ao Mundial de Clubes e Recopa; veja tudo o que se sabe

·3 min de leitura

A taça mais desejada da América do Sul está nas mãos do Palmeiras pois, ao vencer o Flamengo, neste sábado, Montevidéu, no Uruguai, conquistou o título da Libertadores de maneira heroica. Mas não foi só isso. O alviverde também garantiu passagem para mais duas competições na próxima temporada: o Mundial de Clubes, que será deve ser disputado em fevereiro nos Emirados Árabes, e a Recopa Sul-Americana, em 2022.

O Mundial de 2021 deve ser o último no atual formato, adotado pela Fifa em 2005. A entidade planeja fazer um reformulação no torneio. A ideia era fazer já em 2021 um Mundial com 24 participantes, na China, mas o plano teve que ser adiado por causa da pandemia da Covid-19.

Anteriormente, o torneio estava previsto para acontecer em dezembro, no Japão. Mas o país que foi sede das últimas Olimpíadas informou à Fifa que não teria condições de organizar a competição por causa da pandemia. O Rio de Janeiro chegou a mostrar interesse em receber a competição, mas Abu Dhabi, nos Emirados Árabes, foi escolhido como novo anfitrião do torneio. Os jogos devem acontecer em fevereiro.

Os sete participantes do torneio já estão definidos: além do Palmeiras, tem o Monterrey (Concacaf), o Chelsea (campeão europeu), Al-Hilal (campeão da Ásia), Al Ahly (vencedor da Champions africana), Al-Jazira (representante do país-sede) e o Auckland City (indicado pela Oceania). O atual campeão é o Bayern de Munique, da Alemanha.

E será de responsabilidade do Chelsea de manter o domínio europeu no Mundial. Afinal, a Europa faturou 13 títulos nas últimas 14 edições do Mundial — o Corinthians foi a exceção, tendo conquista o último título da América do Sul em 2012.

As equipes do Velho Continente somam 34 títulos no total contra 26 dos sul-americanos, entre a extinta Copa Intercontinental e torneio realizado pela Fifa. O marco da virada foi a criação da Lei Bosman, em 1995 — antes dele, o placar era de 20 a 13 para a América do Sul.

O Chelsea é, sem dúvidas, a equipe a ser batida neste Mundial. Ainda mais por ter sido vice-campeã quando conquistou a Liga dos Campeões pela primeira vez, em 2012, e ser o único clube inglês considerado grande que ainda não venceu o torneio na história.

Mas diferentemente dos anos anteriores, esse Mundial terá contornos diferentes. Por ser normalmente disputado em dezembro, o calendário fazia com que os sul-americanos, com quase 80 jogos disputados na temporada, chegassem exaustos fisicamente para a disputa do torneio. Enquanto os Europeus, na metade das suas respectivas temporadas, estivessem melhores.

Já nesta edição, os sul-americanos irão para o Mundial após um período de férias e, consequentemente, melhores fisicamente. Já os Europeus estarão desgastado após o ‘boxing day’ de dezembro e com as datas coincidindo com as oitavas de final da Liga dos Campeões. Ou seja, a tendência é que o torneio tenha atenções dividias e não seja prioridade para os ingleses.

É claro, muita coisa pode acontecer até fevereiro, mas o Chelsea desponta como uma das melhores equipes da Eurpa nesta temporada. Não apenas pelos craques que tem no elenco, como os volantes N'Golo Kanté Jorginho, ou o atacante Romelu Lukaku, mas por ser uma equipe forte coletivamente. Tanto que é líder do Campeonato Inglês com 29 pontos com apenas uma derrota em 12 jogos.

Dos 23 jogadores inscritos pelo Chelsea no Mundial de 2012, apenas um segue no clube: o lateral-direito Cesar Azpilicueta. Já o técnico alemão Tomas Tuchel, é candidato e favorito ao prêmio de melhor técnico da temporada na premiação Bola de Ouro, da revista “France Football”.

Já a Recopa Sul-Americana acontece em 23 de fevereiro e 2 de março e será disputada em partidas de ida e volta no primeiro semestre de 2022. O adversário será o Athletico, que conquistou a Copa Sul-Americana deste ano ao vencer o Bragantino.

O Athletico disputará a Recopa Sul-Americana pela segunda vez em 2022 — em 2019, acabou derrotado pelo River Plate.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos