Mercado abrirá em 4 h 26 min

Califórnia quebra recorde e registra mais de 7 mil casos de covid-19 em 24h

Valor

Governador atribuiu alta dos casos à reabertura da economia e aos protestos contra o racismo A Califórnia registrou 7.149 casos de covid-19 nas últimas 24 horas, um novo recorde, segundo o governador do Estado, Gavin Newsom.

O político democrata explicou que a alta pode ser justificada, em parte, porque a Califórnia realizou 96 mil testes para a doença desde ontem, cifra mais alta desde o início da pandemia.

A notícia eleva ainda mais os temores de uma segunda onda de infecções em todo o país e foi divulgada pouco depois de a Flórida confirmar mais 5.499 novos casos da doença.

Em entrevista coletiva, Newsom reconheceu que os números mais recentes geram preocupação. Segundo ele, a reabertura gradual da economia e os protestos pela morte de George Floyd também foram fatores que contribuíram para a alta.

O governador também falou sobre o aumento no número de pessoas hospitalizadas por causa do coronavírus. Dados do Covid Tracking Project, que reúne informações dos diferentes Estados americanos, mostram que mais de 5 mil pacientes estão atualmente sendo atendidos na Califórnia.

Newson afirmou que o sistema de saúde estadual está mais bem preparado do que em abril e que agora a Califórnia dispõe de 52 mil leitos para atender pessoas contaminadas com o novo coronavírus.

Para que a disseminação do vírus diminua, o governador pediu que a população continue respeitando medidas de distanciamento e proteção contra a covid-19. Na última sexta-feira, Newsom determinou todos usem máscaras em locais públicos ou em situações de “alto risco” de contágio.

Hospital de campanha montado para vítimas do coronavírus na Califórnia, nos EUA

AP Photo/Ben Margot, Pool