Calheiros pede mais prazo para Cemig decidir concessão

O senador Renan Calheiros (PMDB-AL) defendeu a reabertura do prazo para que a Cemig possa manifestar interesse em renovar as concessões de três de suas usinas - São Simão, Jaguara e Miranda - nas condições propostas pela Medida Provisória 579, a MP do setor elétrico.

"Com relação à Cemig, acho que seria importante reabrir o prazo de adesão, porque ela não usou esse prazo. Tem que ver este caso, mas apenas este caso", afirmou o senador, que é relator da MP 579 no Congresso. O prazo se encerrou em 15 de outubro e as empresas terão até o dia 4 de dezembro para assinar os contratos.

O senador avalia que essa seria uma demonstração de boa vontade com a empresa, embora a Cemig insista em prorrogar as concessões dessas três usinas por mais 20 anos, sem redução das tarifas, conforme previa a legislação anterior à MP 579. "A Cemig não pediu, mas acho que temos de deixar essa porta aberta", disse.

Carregando...