Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    36.015,98
    +524,78 (+1,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Caleb Kennedy deixa American Idol após vídeo racista

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Concorrente do American Idol, Caleb Kennedy, 16, deixou o programa após aparecer em um vídeo polêmico com um amigo usando um capuz branco semelhante aos usados pelos membros da Ku Klux Klan (organização racista).

O cantor publicou nesta quarta-feira (12) um comunicado no Instagram dizendo que vai ser uma surpresa, mas não estará mais no American Idol. Ele explicou que surgiu um vídeo na internet que exibe ações que não deveriam ser realizadas daquela forma.

O participante agradeceu o apoio e pediu desculpas a todos que decepcionou. "Vou tirar um tempinho das redes sociais para me aprimorar, mas, dizendo isso, sei que isso magoou e decepcionou muitas pessoas e fez com que elas perdessem o respeito por mim. Eu sinto muito".

Na última apresentação no programa, no domingo (9), Caleb cantou uma canção original dedicada a sua mãe. Quando a música terminou, os juízes Luke Bryan, Lionel Richie e Katy Perry aplaudiram de pé. Ele tinha conseguido uma vaga no último grupo de cinco participantes do programa.

"Você, meu amigo, é uma verdadeira anomalia", disse Bryan. Ele acrescentou que a canção de Kennedy soava como um "homem sábio que a escreveu". Richie chamou o cantor de "talentoso" e falou que a música será um "álbum de sucesso".