Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.113,93
    +413,26 (+0,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.726,98
    +212,88 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,07
    -0,39 (-0,61%)
     
  • OURO

    1.777,30
    +10,50 (+0,59%)
     
  • BTC-USD

    62.128,97
    +781,19 (+1,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,97
    +7,26 (+0,52%)
     
  • S&P500

    4.185,47
    +15,05 (+0,36%)
     
  • DOW JONES

    34.200,67
    +164,68 (+0,48%)
     
  • FTSE

    7.019,53
    +36,03 (+0,52%)
     
  • HANG SENG

    28.969,71
    +176,57 (+0,61%)
     
  • NIKKEI

    29.683,37
    +40,68 (+0,14%)
     
  • NASDAQ

    14.024,00
    +10,00 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6872
    -0,0339 (-0,50%)
     

Caixas eletrônicos de bitcoin começam a se espalhar pelos EUA

Imani Moise e Anna Irrera
·2 minuto de leitura
Bitcoin ATM

Por Imani Moise e Anna Irrera

(Reuters) - Caixas eletrônicos de bitcoin, em que os usuários podem comprar ou vender a moeda digital e em algumas ocasiões retirar dinheiro vivo, começaram a se multiplicar pelos Estados Unidos, desde postos de gasolina nas Carolinas a delicatessens em Nova York.

As máquinas se multiplicaram rapidamente pelo país no ano passado, alimentadas pelo rali da moeda digital, que bateu recorde de 60 mil dólares neste final de semana. Operadores de quiosques, como CoinFlip e Coin Cloud, instalaram milhares de caixas eletrônicos, disseram executivos à Reuters.

"Eu simplesmente presumi que havia demanda e as pessoas queriam bitcoin em todos os lugares", disse o fundador da Quad Coin, Mark Shoiket, que fez um mapeamento de áreas sem caixas eletrônicos nos EUA.

Durante uma viagem de uma semana, Shoiket encontrou sete lugares para instalar máquinas, incluindo 406 Glass, uma loja em Billings, Montana, que vende tabaco.

Em janeiro, havia 28.185 ATMs bitcoin nos EUA, de acordo com a howmanybitcoinatms.com, uma empresa independente de pesquisa de mercado. Aproximadamente 10 mil surgiram nos cinco meses anteriores.

A popularidade crescente do bitcoin tem sido o principal motivador para novas instalações.

Os motivos pelos quais as pessoas usam caixas eletrônicos em vez de fazer transações online variam. Alguns são pagos em dinheiro, alguns não têm contas bancárias, alguns querem usar os equipamentos para enviar remessas ao exterior ou desejam o anonimato, enquanto outros sentem-se mais confortáveis interagindo com uma máquina física.

Rebecca White, uma investidora de bitcoins de 51 anos que vive na região de Pittsburgh, usa caixas eletrônicos de bitcoin quando sua família tem dinheiro extra.

"Quando fazemos nossas compras de supermercado e temos 60 dólares restantes, eu vou parar no caixa eletrônico de bitcoin", disse White, que trabalha na indústria de energia nuclear.

Algumas máquinas oferecem apenas bitcoin, enquanto outras permitem que os clientes invistam em várias moedas digitais.

Poucos caixas de bitcoin podem realmente permitir o saque em dinheiro físico e custam mais do que caixas eletrônicos normais ou transações online.

As taxas variam de 6% a 20% do total da transação, disse Pamela Clegg, diretora de investigações financeiras e educação na empresa de conformidade de criptomoedas CipherTrace. As taxas variam dependendo da localização e do operador do caixa de bitcoin.

"O crescimento do mercado de ATMs (caixas eletrônicos) - não é nem um pouco suave, é quase um aumento de 45%", disse Clegg. "O crescimento é bastante surpreendente."