Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    57.099,84
    +656,74 (+1,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Caixa Seguridade inicia negociação de ações na bolsa de valores

Daniel Mello - Repórter da Agência Brasil
·1 minuto de leitura

A Caixa Seguridade, subsidiária da Caixa Econômica Federal que atua nos ramos de seguros e previdência, iniciou hoje (29) a negociação de suas ações listadas na bolsa de valores B3. Com o preço inicial por ação fixado em R$ 9,67, a empresa conseguiu levantar R$ 5 bilhões com a operação. O preço por ação havia sido inicialmente estimado entre R$ 9,33 e R$ 12,67.

Foram disponibilizadas 517,5 milhões de ações, pouco mais de 17% do total de ações ordinárias da Caixa Seguridade, considerando o lote inicial e lotes suplementares. Segundo o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, a oferta atraiu inicialmente 150 mil investidores, sendo cerca de 50 mil aposentados, pensionistas e trabalhadores do próprio banco.

Em 2020, a Caixa Seguridade registrou um faturamento de R$ 39,1 bilhões. Segundo o balanço divulgado pela empresa, a seguradora tem 13,5% de participação do mercado do setor, sendo o terceiro maior grupo segurador do país. O lucro líquido no ano passado ficou em R$ 1,8 bilhão.

Ouça na Radioagência Nacional

Acompanhe essa e outras notícias na Radioagência Nacional

Assista na TV Brasil