Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.623,06
    -1.646,45 (-4,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Caixa paga segunda parcela do auxílio a nascidos em maio e para o Bolsa Família

·2 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 16/04/2021: Fila em agência da Caixa Econômica Federal em SP.  (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 16/04/2021: Fila em agência da Caixa Econômica Federal em SP. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Beneficiários do auxílio emergencial que fazem parte do Bolsa Família e têm NIS (Número de Inscrição Social) com final 4 passam a receber a segunda parcela de ajuda do governo nesta sexta-feira (21). Além disso, os demais grupos, como trabalhadores informais e inscritos no CadÚnico nascidos em maio, também recebem a segunda parcela nesta sexta.

O calendário para quem é do Bolsa Família segue na próxima semana, com o depósito para as pessoas com NIS final 5 na segunda-feira (24). O último pagamento da segunda parcela será no próximo dia 31, também uma segunda-feira, para os beneficiários com NIS final zero.

Para quem não faz parte do Bolsa Família, o calendário continua no fim de semana, com depósitos no Caixa Tem para os nascidos em junho, no sábado (22), e para os nascidos em julho, no domingo (23). O pagamento da segunda parcela termina no dia 30 de maio.

Inicialmente, os trabalhadores informais e inscritos no CadÚnico não podem sacar o dinheiro. Eles podem apenas movimentá-lo pelo Caixa Tem, pagando contas ou em compras. Para este público, o calendário de saques da segunda parcela começará somente no dia 31 de maio, para nascidos em janeiro. O cronograma segue conforme a data de nascimento do trabalhador.

No caso de quem é do Bolsa Família, na data marcada para receber o benefício, conforme o final do NIS, já é possível fazer a retirada dos valores no caixa eletrônico, nas agências da Caixa Econômica Federal ou nas lotéricas.

Beneficiários do auxílio recebem parcelas que vão de R$ 150, para solteiros, até R$ 375, para mães que são as únicas responsáveis pelo sustento do lar. As demais famílias têm direito a R$ 250.

A consulta para saber se vai receber e qual o valor exato da parcela pode ser feita pelo site consultaauxilio.dataprev.gov.br/consulta. O cidadão precisará informar CPF, nome completo, nome da mãe e data de nascimento.