Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    58.036,99
    -150,63 (-0,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Caixa paga nascidos em junho no domingo; confira o calendário

Extra
·1 minuto de leitura

A Caixa Econômica Federal paga neste domingo (dia 18) a primeira parcela do auxílio emergencial 2021 a beneficiários nascidos em junho que receberão os recursos nas contas digitais. Serão contempladas cerca de 2,5 milhões de pessoas.

Os valores podem ser movimentados pelo aplicativo Caixa Tem para pagamento de boletos, compras na internet e pelas maquininhas em mais de um milhão de estabelecimentos comerciais. O saque e a transferência bancária serão possíveis para este grupo a partir do dia 7 de maio.

O governo Federal e Caixa anteciparam as datas de saque nesta semana. Agora, a primeira parcela poderá ser sacada por todos os beneficiários até o dia 17 de maio.

O modelo de escalonamento das transferências, segundo o Ministério da Cidadania, tem o objetivo de evitar filas e aglomerações nas agências da Caixa e nas lotéricas. O cronograma para saques tem início em 4 de maio para nascidos em janeiro e vai até 4 de junho para quem faz aniversário em dezembro.

O pagamento do benefício é feito em quatro parcelas, com valores que podem variar de R$ 150 a R$ 375 de acordo com o perfil do beneficiário.

É possível saber sobre o valor do benefício pelo aplicativo do auxílio emergencial, disponível para sistemas Android e iOS, pelo site da Caixa ou pelo site do Dataprev.

O direito aos pagamentos será reavaliado mensalmente, segundo o governo. Ou seja: quem receber a primeira parcela não necessariamente receberá nos meses seguintes. Caso consiga um emprego, por exemplo, será excluído da lista de beneficiários.

O Auxílio Emergencial 2021 é limitado a uma pessoa por família e é concedido automaticamente ao trabalhador que estava recebendo, em dezembro de 2020, e desde que cumpra as novas regras de elegibilidade.