Mercado fechará em 5 h 14 min
  • BOVESPA

    98.659,87
    -294,03 (-0,30%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.233,95
    +490,80 (+1,03%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,58
    +2,15 (+1,98%)
     
  • OURO

    1.810,20
    +8,70 (+0,48%)
     
  • BTC-USD

    19.542,27
    +486,39 (+2,55%)
     
  • CMC Crypto 200

    422,92
    +2,78 (+0,66%)
     
  • S&P500

    3.825,33
    +39,95 (+1,06%)
     
  • DOW JONES

    31.097,26
    +321,86 (+1,05%)
     
  • FTSE

    7.236,70
    +68,05 (+0,95%)
     
  • HANG SENG

    21.830,35
    -29,44 (-0,13%)
     
  • NIKKEI

    26.153,81
    +218,19 (+0,84%)
     
  • NASDAQ

    11.543,25
    -68,00 (-0,59%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5215
    -0,0372 (-0,67%)
     

Caixa libera até 4 oportunidades de saques neste ano; entenda

Caixa Econômica dá ao total quatro oportunidades para saque de valores neste ano
Caixa Econômica dá ao total quatro oportunidades para saque de valores neste ano
  • Confira o como saber se você tem direito e como realizar o saque na Caixa;

  • Abonos salariais esquecidos de 2019 e 2020 poderão ser resgatados até dezembro;

  • Cotas do fundo PIS/Pasep pode ser sacada por 10 milhões de brasileiros.

Neste ano, a Caixa Econômica Federal realizou a liberação de valores do abono salarial de 2021, que havia sido congelado em função da pandemia de COVID-19. No entanto, o que poucos trabalhadores sabem é que ainda há outras três oportunidades para efetuar retiradas no banco.

Segundo a Caixa, as outras modalidades de saque são referentes a quantias que já foram disponibilizadas em algum momento no passado, mas não foram aproveitadas pelos titulares da conta. Elas são referentes ao abono salarial e às cotas do PIS/Pasep entre os anos de 1970 e 1988.

Confira se você tem direito e como realizar os saques abaixo.

Abono salarial esquecido

Essa modalidade diz respeito a duas das três chances de fazer retiradas em contas trabalhistas da Caixa, se referindo a valores esquecidos em 2020 e 2019. Esses valores vão ficar disponíveis até o mês de dezembro.

Tem direito ao saque dessas quantias todos os trabalhadores que trabalharam nos anos de 2019 ou 2020, não realizaram o saque nos anos corretos e se encaixam nos seguintes requisitos

Estar inscrito há cinco ou mais anos no PIS/Pasep em 2019/2020

Terem trabalhado de carteira assinada por pelo menos 30 dias no anos referentes

Ter recebido uma média salarial menor ou igual a dois salários mínimos

Se você acha que esse é o seu caso e quer confirmar, é possível realizar uma consulta ao aplicativo Carteira de Trabalho Digital e verificar se tem direito ao benefício.

Em especial, para o trabalhador que quer sacar os valores referentes a 2019, será necessário solicitar em uma das unidades regionais do Ministério do Trabalho, ou pelo e-mail trabalho.__@economia.gov.br, preenchendo o espaço vazio com a sigla de seu estado.

Cotas do PIS/Pasep

De acordo com a Caixa Econômica Federal, há cerca de 10 milhões de pessoas que exerceram atividade profissional entre os anos de 1970 e 1988 que ainda não realizaram o saque de suas cotas do PIS/Pasep.

O benefício não tem relação ao abono salarial de hoje em dia. Na verdade elas dizem respeito ao fundo PIS/Pasep que deixou de existir em 1988 e deu origem ao benefício do abono salarial atual.

Para saber se você tem direito a valores dessas cotas é possível realizar uma consulta no aplicativo FGTS, ou ir a uma agência da Caixa portando um documento com foto. Em caso de trabalhadores já falecidos os herdeiros poderão realizar o saque do benefício.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos