Mercado abrirá em 1 h 35 min

Caixa começa a pagar terceira parcela de auxílio emergencial

THIAGO RESENDE
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 19.05.2020 - Fachada de agência da Caixa Econômica Federal em Sapopemba, São Paulo. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Caixa, responsável pelo pagamento do auxílio emergencial, iniciou nesta quarta-feira (17) o repasse da terceira parcela do benefício. Nessa etapa, mais de 13,5 milhões de famílias cadastradas no programa Bolsa Família receberão os recursos.

Por causa do auxílio emergencial criado na crise do novo coronavírus, beneficiários do Bolsa Família recebem temporariamente um valor acima da média do programa -- aproximadamente R$ 200.

Segundo a Caixa, a ajuda financeira a essas famílias em junho será equivalente a R$ 15,2 bilhões. O valor será depositado conforme calendário habitual do programa, que segue até 30 de junho.

Mãe chefe de família tem direito a receber o auxílio emergencial em dobro (R$ 1.200).

Segundo o Ministério da Cidadania, o calendário de pagamento da terceira parcela a quem não está inscrito no Bolsa Família ainda será divulgado. Esse grupo inclui informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEIs).

O auxílio emergencial começou a ser pago em 9 de abril. Até agora, de acordo com balanço da Caixa, cerca de 63,5 milhões de pessoas já receberam o benefício, representando um custo de R$ 81,3 bilhões.

O governo ainda discute com o Congresso como deverá sr feita a prorrogação do auxílio emergencial, que atualmente está programado em três parcelas.

A equipe econômica já admite que mais outras duas parcelas deverão ser pagas, mas o governo quer reduzir o valor a ser transferido à população vunerável. Uma das propostas é que o benefício seja de R$ 300.