Mercado fechado
  • BOVESPA

    115.202,23
    +2.512,05 (+2,23%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    46.342,54
    +338,35 (+0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    66,28
    +2,45 (+3,84%)
     
  • OURO

    1.698,20
    -2,50 (-0,15%)
     
  • BTC-USD

    49.240,72
    +539,68 (+1,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    982,93
    +39,75 (+4,21%)
     
  • S&P500

    3.841,94
    +73,47 (+1,95%)
     
  • DOW JONES

    31.496,30
    +572,16 (+1,85%)
     
  • FTSE

    6.630,52
    -20,36 (-0,31%)
     
  • HANG SENG

    29.098,29
    -138,51 (-0,47%)
     
  • NIKKEI

    28.864,32
    -65,78 (-0,23%)
     
  • NASDAQ

    12.652,50
    +197,50 (+1,59%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7780
    -0,0079 (-0,12%)
     

Caixa começa a pagar novo abono salarial do PIS a nascidos em janeiro e fevereiro, no valor de R$ 1.100

Extra
·3 minuto de leitura
Foto: Marcelo Regua

A Caixa Econômica Federal começará a pagar, nesta terça-feira (dia 19), o abono salarial do PIS a 3,4 milhões de trabalhadores da inciativa privada nascidos em janeiro e fevereiro, sem contas no banco. Essas pessoas já poderão sacar o novo valor do benefício, que passou a ser de até R$ 1.100, com o reajuste do salário mínimo nacional em 1º de janeiro. Veja abaixo que tem direito ao pagamento.

Vale lembrar que para os que têm contas no banco, o depósito é feito automaticamente, em geral, dois dias antes dos demais. Portanto, o dinheiro já foi creditado. Além disso, os que fazem aniversário de julho a dezembro já receberam os valores devidos referentes ao calendário 2020/2021 (ano-base 2019).

Muitos servidores, militares e funcionários de empresas públicas também têm direito ao abono salarial mas, neste caso, o pagamento é referente ao Pasep. O responsável pela liberação do dinheiro é o Banco do Brasil.

Também nesta terça-feira, receberão aqueles que têm números de inscrição no programa de final 5, desde que também não tenham contas no BB. Os que são clientes já receberam o pagamento antecipadamente.

Trabalhadores que já sacaram o benefício com base no antigo salário mínimo de R$ 1.045, até 31 de dezembro de 2020, não têm direito à diferença.

O valor do abono pode chegar a um salário mínimo (R$ 1.100), dependendo do número de meses trabalhados no exercício anterior (neste caso, 2019). Portanto, quem trabalhou um mês no ano-base 2019 receberá 1/12 do piso nacional. Quem trabalhou dois meses receberá 2/12 e assim por diante. Só terá o valor total quem trabalhou o ano passado inteiro.

Tem direito ao abono salarial quem recebeu, em média, até dois salários mínimos mensais com carteira assinada e exerceu atividade remunerada durante, pelo menos, 30 dias em 2019. É preciso ainda estar inscrito no PIS/Pasep há, no mínimo, cinco anos e ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

Quantidade de meses trabalhados em 2019

Valor

1

R$ 92

2

R$ 184

3

R$ 275

4

R$ 367

5

R$ 459

6

R$ 550

7

R$ 642

8

R$ 734

9

R$ 825

10

R$ 917

11

R$ 1.009

12

R$ 1.100

Informações sobre o PIS também podem ser obtidas pelo telefone 0800-726-0207 (opções 2 - 2). O trabalhador pode fazer uma consulta ainda no site www.caixa.gov.br/PIS, clicando em "Consultar pagamento". Para isso, é preciso ter o número do NIS (PIS/Pasep).

Se quiser obter mais informações sobre o abono salarial, também pode fazer uma consulta pelo site trabalho.gov.br/abono-salarial ou ligar para 158.

Para saber se tem direito ao Pasep, o servidor, o militar ou o funcionário de empresa pública pode consultar o site www.bb.com.br/pasep ou ligar para a central de atendimento do Banco do Brasil, nos telefones 4004-0001 e 0800-729-0001.

No caso da Caixa, o dinheiro poderá ser retirado com Cartão Cidadão e senha, nos terminais de autoatendimento, nas unidades lotéricas e nos correspondentes Caixa Aqui. Para os que não têm o cartão, é preciso procurar os guichês das agências, com um documento de identificação.

Os servidores ou os militares precisam procurar uma agência do Banco do Brasil e apresentar um documento de identidade.

Veja também: Cobrança da Light gera reclamações de consumidores

Nascidos em/data de pagamento para não correntistas

Julho - 16/07/2020

Agosto - 18/08/2020

Setembro - 15/09/2020

Outubro - 14//10/2020

Novembro - 17/11/2020

Dezembro - 15/12/2020

Janeiro - 19/01/2021

Fevereiro - 19/01/2021

Março - 11/02/2021

Abril - 11/02/2021

Maio - 17/03/2021

Junho - 17/03/2021

Número de inscrição/data de pagamento para não correntistas

0 - 16/07/2020

1 - 18/08/2020

2 - 15/09/2020

3 - 14/10/2020

4 - 17/11/2020

5 - 19/01/2021

6 e 7 - 11/02/2021

Com relação ao abono salarial de exercícios anteriores, ainda não sacados, a Caixa informou que "os benefícios com valores atualizados estão disponíveis para saque desde o dia 5 de janeiro de 2021".