Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.710,03
    -3.253,98 (-2,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.748,41
    -906,88 (-1,83%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,80
    +0,52 (+0,80%)
     
  • OURO

    1.815,50
    -20,60 (-1,12%)
     
  • BTC-USD

    54.347,56
    -2.521,75 (-4,43%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.470,66
    -93,18 (-5,96%)
     
  • S&P500

    4.063,04
    -89,06 (-2,14%)
     
  • DOW JONES

    33.587,66
    -681,50 (-1,99%)
     
  • FTSE

    7.004,63
    +56,64 (+0,82%)
     
  • HANG SENG

    28.231,04
    +217,23 (+0,78%)
     
  • NIKKEI

    28.147,51
    -461,08 (-1,61%)
     
  • NASDAQ

    12.965,75
    -380,25 (-2,85%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4022
    +0,0568 (+0,90%)
     

Caixa começa a pagar auxílio emergencial para nascidos em junho

HAVOLENE VALINHOS, CRISTIANE GERCINA E LAÍSA DALL'AGNOL
·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Caixa Econômica Federal depositou neste domingo (18) a primeira parcela do auxílio emergencial 2021 para os trabalhadores informais e inscritos no CadÚnico nascidos em junho. Na primeira fase, o valor da primeira parcela cai na conta aberta no Caixa Tem. Só é possível usar o dinheiro para pagar contas e fazer compras com o benefício. Só a partir de 7 de maio será autorizado o saque e a transferência dos valores. Para quem nasceu em julho, a grana será depositada na terça-feira (20), mas poderá ser movimentada também somente pela conta do Caixa Tem. No dia 10 de maio, o trabalhador pode optar pelo saque ou transferência para outros bancos. De acordo com o banco, são 2,49 milhões de beneficiados em um repasse que soma R$ 516,62 milhões. Segundo o Ministério da Cidadania, com mais essa remessa de transferências, o pagamento já chega a 11,88 milhões de famílias em um repasse total de R$ 2,46 bilhões.