Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.057,22
    -1.202,27 (-0,93%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.202,80
    -376,30 (-0,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,95
    -0,09 (-0,13%)
     
  • OURO

    1.779,30
    +4,50 (+0,25%)
     
  • BTC-USD

    38.030,34
    -572,08 (-1,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    945,29
    -24,59 (-2,54%)
     
  • S&P500

    4.221,86
    -1,84 (-0,04%)
     
  • DOW JONES

    33.823,45
    -210,22 (-0,62%)
     
  • FTSE

    7.153,43
    -31,52 (-0,44%)
     
  • HANG SENG

    28.558,59
    +121,75 (+0,43%)
     
  • NIKKEI

    29.065,94
    +47,61 (+0,16%)
     
  • NASDAQ

    14.188,50
    +23,00 (+0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9874
    +0,0249 (+0,42%)
     

Caixa anuncia novas taxas e aumenta foco em crédito com garantia de imóvel

·2 minuto de leitura

Além de reforçar aposta na modalidade de "home equity", banco estatal também reduziu custo de linhas para construção residencial e compra de terrenos A Caixa Econômica Federal anunciou nesta quinta-feira novas taxas nas suas linhas de home equity - modalidade de crédito no qual o imóvel é usado como garantia. As mudanças valem a partir de segunda-feira, somente para novos contratos. "O home equity tinha um foco muito pequeno na Caixa. Teremos a ampliação desse foco", disse em entrevista coletiva o presidente da instituição financeira, Pedro Guimarães. O cliente que aderir ao home equity poderá optar pela quitação do empréstimo baseada em três taxas diferentes: IPCA, Taxa Referencial (TR) e taxa fixa. No primeiro caso, a taxa será a partir de IPCA + 0,6% ao mês. No segundo, TR + 0,7% ao mês. No terceiro, taxa fixa + 0,8% ao mês. No primeiro caso, a quota máxima de financiamento em relação ao valor do imóvel é de 50%. Nos outros dois casos, sobe para 60%. Em todas as três opções, o prazo é de até 180 meses. Além disso, o cliente poderá escolher pelo Sistema de Amortização Constante (SAC) ou Price. A medida, no entanto, vale somente para imóveis livres de ônus. Ou seja: aqueles que não servem como garantia para outro empréstimo. O compartilhamento de garantias foi autorizado neste mês pelo Banco Central (BC). Atualmente, a Caixa tem R$ 3,5 bilhões de crédito em home equity, o equivalente a 32% do total no país. Segundo Guimarães, o objetivo do banco é que o volume próprio de home equity atinja R$ 40 bilhões "nos próximos anos". O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, prevê ampliação do crédito com garantia de imóvel Marcello Casal JrAgência Brasil Construção O banco também anunciou novas taxas para pessoas físicas no financiamento para aquisição de terrenos e construções individuais. As alterações estarão disponíveis a partir de segunda-feira. O financiamento de construções individuais pode ser usado para a construção de imóvel residencial com aquisição de terreno ou em terreno próprio. Essa modalidade terá a poupança (SBPE) e o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) como funding. Nesse caso, a taxa irá de TR + 6,5% ao ano até TR + 8,5% ao ano. Antes, as taxas variavam de TR + 7,25% ao ano até TR + 8,5% ao ano. Já a modalidade para a aquisição de terrenos individuais terá apenas a poupança como funding. Nesse caso, a taxa irá de TR + 8,5% ao ano até TR + 10,25% ao ano. Anteriormente, as taxas variavam de TR + 9,25% ao ano até TR + 11% ao ano.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos