Mercado abrirá em 16 mins
  • BOVESPA

    119.646,40
    -989,99 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.125,71
    -369,70 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,94
    -0,37 (-0,69%)
     
  • OURO

    1.871,70
    +5,20 (+0,28%)
     
  • BTC-USD

    32.559,97
    -942,13 (-2,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    646,56
    -54,05 (-7,72%)
     
  • S&P500

    3.851,85
    +52,94 (+1,39%)
     
  • DOW JONES

    31.188,38
    +257,86 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.745,80
    +5,41 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    29.927,76
    -34,71 (-0,12%)
     
  • NIKKEI

    28.756,86
    +233,60 (+0,82%)
     
  • NASDAQ

    13.348,00
    +53,75 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4219
    +0,0139 (+0,22%)
     

Cade aprova compra da Braz Cubas pela Cruzeiro do Sul

Juliano Basile

A Braz Cubas conta com 16 mil alunos matriculados, sendo 9 mil em cursos a distância e os demais 7 mil na graduação presencial A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta segunda-feira a compra pela Cruzeiro do Sul Educacional de 100% do centro universitário Braz Cubas, uma das instituições de ensino superior mais tradicionais da região metropolitana de São Paulo. A Braz Cubas conta com 16 mil alunos matriculados, sendo 9 mil em cursos a distância e os demais 7 mil na graduação presencial. A Cruzeiro do Sul está entre os cinco maiores grupos de ensino superior do país. A Superintendência verificou que a Cruzeiro do Sul é a líder deste mercado em várias cidades. No entanto, a compra da Braz Cuba vai lhe proporcionar apenas 4,2% a mais de concentração no mercado do interior de São Paulo. “A probabilidade de exercício de poder de mercado por parte das requerentes, como resultado da operação, é baixa, principalmente por serem mercados que não atingem um número expressivo de consumidores e porque apresentaram facilidades para entrada e saída de players com capacidade de concorrer com um player do porte da Cruzeiro do Sul”, ressaltou a Superintendência ao dar aval ao negócio. Compra da Translovato pela BBM Logística A Superintendência também aprovou a aquisição da transportadora Translovato, uma das principais empresas do segmento de carga fracionada do país, pela BBM Logística, do fundo Stratus. O negócio envolveu menos de 10% do segmento, e não deverá prejudicar outras companhias que participam do setor. A Translovato atende diversas indústrias, incluindo coureiro atacadista, farmacêutica, têxtil, casa e construção, metalurgia, dentre outras, com mais de 2.700 clientes, cobertura de mais de 3.200 cidades e faturamento anual de aproximadamente R$ 400 milhões. Além desse dois processos, a Superintendência aprovou também nesta segunda a aquisição, pela Raízen Energia, de 100% da Nova América Agrícola Caarapó, dedicada ao plantio de cana no município sul-mato-grossense.