Mercado abrirá em 6 h 54 min
  • BOVESPA

    106.363,10
    -56,43 (-0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.714,60
    -491,99 (-0,94%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,28
    -1,38 (-1,67%)
     
  • OURO

    1.802,50
    +3,70 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    58.978,63
    -2.248,23 (-3,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.412,29
    -62,04 (-4,21%)
     
  • S&P500

    4.551,68
    -23,11 (-0,51%)
     
  • DOW JONES

    35.490,69
    -266,19 (-0,74%)
     
  • FTSE

    7.253,27
    -24,35 (-0,33%)
     
  • HANG SENG

    25.604,81
    -23,93 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    28.811,93
    -286,31 (-0,98%)
     
  • NASDAQ

    15.620,75
    +33,50 (+0,21%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4263
    +0,0016 (+0,02%)
     

Cúpula da UE deve buscar respostas sobre estratégia envolvendo EUA e China

·1 minuto de leitura
Bandeiras da UE e da China

Por Robin Emmott

BRUXELAS (Reuters) - Os 27 líderes da União Europeia buscarão uma nova abordagem em relação à China nesta terça-feira em sua primeira cúpula sobre estratégia sino-europeia desde que o bloco impôs sanções a Pequim, em março, e enfrentou retaliação, prejudicando um novo pacto de investimentos.

Junto com os Estados Unidos, Reino Unido e Canadá, a UE impôs sanções a autoridades chinesas em 22 de março por abusos de direitos humanos, o que Pequim nega. A China imediatamente atingiu a UE com sanções ao Parlamento Europeu, congelando a aprovação de um acordo de investimento UE-China recentemente alcançado.

Os líderes também vão discutir a ideia de criar uma reserva de gás da UE e desvincular os preços da eletricidade dos preços do gás, disse a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, nesta terça-feira, embora seja apenas um primeiro debate.

O encontro em Brdo, perto da capital da Eslovénia, Liubliana, terá início nesta terça-feira.

Autoridades e diplomatas seniores da UE também esperam que a reunião informal seja um momento de debate para o bloco se tornar mais independente dos Estados Unidos e desempenhar um papel na guinada da política externa de Washington para a Ásia.

Nenhuma decisão é esperada para o jantar.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos