Mercado fechará em 1 h 2 min
  • BOVESPA

    126.060,28
    +1.007,50 (+0,81%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.048,28
    +779,83 (+1,55%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,10 (+0,14%)
     
  • OURO

    1.796,60
    -5,20 (-0,29%)
     
  • BTC-USD

    39.723,62
    +5.341,89 (+15,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    943,90
    +28,41 (+3,10%)
     
  • S&P500

    4.419,12
    +7,33 (+0,17%)
     
  • DOW JONES

    35.126,17
    +64,62 (+0,18%)
     
  • FTSE

    7.025,43
    -2,15 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    26.192,32
    -1.129,66 (-4,13%)
     
  • NIKKEI

    27.833,29
    +285,29 (+1,04%)
     
  • NASDAQ

    15.114,00
    +16,00 (+0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1121
    -0,0095 (-0,16%)
     

Câncer: pesquisadores identificam importante pista sobre formação de metástases

·1 minuto de leitura

No início do mês de junho, um estudo achou um método de conter as metástases do câncer (células cancerígenas que se soltam do tumor original e "viajam" para outros tecidos ou órgãos), e um novo estudo liderado pela Escola de Medicina Veterinária Christopher Lengner deu um passo ainda mais largo nessa compreensão.

O estudo usou o câncer de pâncreas para rastrear a linhagem e os padrões de células cancerígenas, e descobriu algo em comum entre as células que provavelmente permaneceriam no tumor e aquelas com maior probabilidade de se moverem para novos locais, afetando outros tecidos.

As células que eventualmente se tornaram metastáticas e cresceram em tecidos e órgãos além do pâncreas compartilhavam uma linhagem comum. Os pesquisadores relatam que usaram essa abordagem de rastreamento de linhagem para classificar as células com base em quão metastáticas elas eram e, em seguida, relacionaram essas diferenças de comportamento às mudanças na expressão do gene.

(Imagem: Colin Behrens/Pixabay)
(Imagem: Colin Behrens/Pixabay)

As descobertas sugerem que não são apenas as mutações genéticas que podem impulsionar a disseminação do câncer e que "os padrões de expressão gênica desempenham um papel fundamental nos resultados das doenças".

Mas enquanto os cientistas caracterizaram centenas de mutações genéticas associadas ao direcionamento de células normais para se tornarem cancerígenas, não tiveram o mesmo sucesso em identificar mutações que transformam as células em futuras metástases.

Em trabalhos futuros, a equipe espera aprofundar seus estudos do processo de metástase, enquanto também explora novos caminhos para o rastreamento de linhagem, como examinar o processo de desenvolvimento.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos