Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.361,33
    -601,78 (-1,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Câmera da Nasa registra imagens do rover chinês Zhurong em Marte

·1 minuto de leitura
Câmera da Nasa registra imagens do rover chinês Zhurong em Marte
Câmera da Nasa registra imagens do rover chinês Zhurong em Marte

A câmera HiRISE (High Resolution Imaging Science Experiment), a bordo da nave espacial Mars Reconnaissance Orbiter (MRO), da Nasa, conseguiu captar imagens do rover chinês (Zhurong) no último domingo (6), cerca de três semanas após o robô pousar no planeta vermelho.

Na primeira imagem abaixo, estão visíveis o módulo de pouso e o próprio rover ligeiramente ao sul:

<em>Câmera da Nasa registrou imagens do rover chinês Zhurong e seu módulo de pouso em Marte (o ponto brilhante na foto). Imagem: NASA / JPL / UArizona/Reprodução</em>
Câmera da Nasa registrou imagens do rover chinês Zhurong e seu módulo de pouso em Marte (o ponto brilhante na foto). Imagem: NASA / JPL / UArizona/Reprodução

O registro também mostra que o terreno ao redor do robô, segundo a Nasa, é típico de uma área de Marte chamada de Utopia Planitia, uma região de solo liso e quase sem rochas. Os elementos brilhantes que circulam o local do pouso, são formas de relevo formadas pelo sopro do vento.

Outros componentes que ajudaram o Zhurong a chegar em segurança à superfície de Marte também podem ser vistos em outra foto. Espalhados mais distantes do rover. Dá para notar, por exemplo, o pára-quedas utilizado na missão.

<em>O pára-quedas está visível no canto inferior esquerdo da imagem capturada pela câmera HiRISE. Imagem: NASA / JPL / UArizona/Reprodução</em>
O pára-quedas está visível no canto inferior esquerdo da imagem capturada pela câmera HiRISE. Imagem: NASA / JPL / UArizona/Reprodução

Leia mais:

O Zhurong faz parte da missão Tianwen-1, lançada em direção ao planeta vermelho em julho do ano passado, que também inclui um orbitador que está estudando o clima de Marte e servindo como uma ponte de transmissão de dados entre o rover e os seus controladores na Terra.

O robô chinês vai analisar a geologia de sua zona de pouso durante sua missão projetada para durar pelo menos três meses. Já o orbitador Tianwen-1, por sua vez, conduzirá investigações por pelo menos um ano de Marte (que equivale a 687 dias terrestres).

Fonte: Space

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos