Câmbio já dá sinais de melhora, diz Mantega

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou na manhã desta sexta-feira, em São Paulo, que o País vive sob uma nova matriz econômica, na qual a política monetária trabalha com o controle da inflação e com juro mais baixo. Além disso, segundo Mantega, o câmbio está em uma "posição razoável, não ainda totalmente satisfatória, e já dá sinais de melhora". Mantega fez as afirmações para uma plateia formada por empresários do setor industrial em São Paulo, durante a 32ª Reunião do Fórum Nacional da Indústria, organizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

"Estamos usando outros instrumentos para o controle da inflação", afirmou Mantega. De acordo com o ministro, as importações diminuíram e as exportações de manufaturados melhoraram, mesmo com um cenário internacional desfavorável. Ele acrescentou que o governo federal segue empenhado para destravar o comércio com a Argentina.

Mantega disse também que o governo trabalha para manter a solidez fiscal com a redução de dívida e na redução de tributos. "Estamos agora com agenda do ICMS e PIS/Cofins para 2013", disse.

O ministro afirmou ainda que o País passa por um período de transição entre a política monetária e cambial. "2012 é um ano que será marcado pela desintoxicação do juro alto, com a implantação de uma nova matriz marcada pelo ganho produtivo", disse.

Segundo ele, o setor produtivo até então havia se adaptado a um cenário com juros altos e o câmbio desvalorizado, que agora mudou. "As empresas faziam aplicações financeiras e o poupador olhava mais para os ativos financeiros. Mas agora têm de migrar para os ativos produtivos", disse o ministro. "A economia demora para se adaptar a essa nova matriz macroeconômica", completou.

Crédito

Em sua palestra, Mantega voltou a criticar a "timidez" na concessão de crédito pelos bancos privados. "O crédito continua retraído, mas já há uma melhoria na demanda", disse. "Estamos em trajetória ascendente de demanda e oferta de crédito".

Mantega avaliou ainda que o cenário macroeconômico melhorou com a desaceleração da inflação. "Já ultrapassamos a corcova e dá para continuar com a política monetária expansionista", afirmou. O ministro avaliou ainda que neste fim de ano e no começo de 2013 a economia brasileira seguirá bem.

cotações recentes

 
Cotações recentes
Símbolo Preço Variação % Var 
Seus tickers vistos mais recentemente aparecerão aqui automaticamente se você digitou um ticker no campo "Inserir símbolo/empresa" na parte inferior deste módulo.
É necessário permitir os cookies do seu navegador para ver as cotações mais recentes.
 
Entre para ver as cotações nos seus portfólios.

Resumo do Mercado

  • Moedas
    Moedas
    NomePreçoVariação% Variação
    3,2288-0,0009-0,03%
    USDBRL=X
    3,6437-0,0005-0,01%
    EURBRL=X
    0,8857-0,0002-0,02%
    USDEUR=X
  • Commodities
    Commodities
    NomePreçoVariação% Variação

Destaques do Mercado

  • Líderes em Volume
    Líderes em Volume
    NomePreçoVariação% Variação
    12,53+0,13+1,05%
    PETR4.SA
    3,62+0,01+0,28%
    GOAU4.SA
    3,36-0,07-2,04%
    USIM5.SA
    15,41+0,11+0,72%
    VALE5.SA
    9,13+0,02+0,22%
    GGBR4.SA
  • Altas %
    Altas %
    NomePreçoVariação% Variação
    8,50+1,24+17,08%
    ENMT3.SA
    1.255,00+146,99+13,27%
    ESUD11.SA
    2,80+0,29+11,67%
    TCSA3.SA
    50,00+5,00+11,11%
    GEPA4.SA
    2,41+0,24+11,06%
    MWET4.SA
  • Baixas %
    Baixas %
    NomePreçoVariação% Variação
    0,70-6,30-90,00%
    CTKA3.SA
    1,91-0,49-20,42%
    CELP5.SA
    3,05-0,37-10,82%
    RAPT3.SA
    1,55-0,17-9,88%
    AZEV4.SA
    1,96-0,19-8,84%
    CTSA4.SA