Mercado fechará em 6 h 19 min
  • BOVESPA

    120.931,87
    -182,06 (-0,15%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.726,98
    +212,88 (+0,44%)
     
  • PETROLEO CRU

    63,31
    +0,18 (+0,29%)
     
  • OURO

    1.773,10
    -7,10 (-0,40%)
     
  • BTC-USD

    56.596,80
    +1.930,02 (+3,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.280,16
    -18,80 (-1,45%)
     
  • S&P500

    4.176,97
    -8,50 (-0,20%)
     
  • DOW JONES

    34.054,99
    -145,68 (-0,43%)
     
  • FTSE

    7.009,04
    -10,49 (-0,15%)
     
  • HANG SENG

    29.106,15
    +136,44 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.685,37
    +2,00 (+0,01%)
     
  • NASDAQ

    13.971,50
    -58,00 (-0,41%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7535
    +0,0674 (+1,01%)
     

Câmara retira da PEC Emergencial vedação a progressão e promoção no serviço público, conforme acordo

Plenário da Câmara dos Deputados

BRSÍLIA (Reuters) - A Câmara aprovou nesta quinta-feira emenda que retira a vedação à progressão e à promoção de servidores públicos do rol de gatilhos a serem acionados em caso de crise fiscal descritos na PEC Emergencial.

A aprovação do destaque, por 444 votos a 18, foi autorizada pelo governo, mediante acordo para evitar a aprovação de um outro destaque que tentava retirar todos os gatilhos relacionados ao funcionalismo público, incluindo a vedação à concessão de reajustes.

(Reportagem de Maria Carolina Marcello)