Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -635,14 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,13 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,78
    +0,49 (+0,70%)
     
  • OURO

    1.879,50
    -16,90 (-0,89%)
     
  • BTC-USD

    35.899,53
    +342,82 (+0,96%)
     
  • CMC Crypto 200

    924,19
    -17,62 (-1,87%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,36 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,25 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    28.948,73
    -9,83 (-0,03%)
     
  • NASDAQ

    13.992,75
    +33,00 (+0,24%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1926
    +0,0391 (+0,64%)
     

Câmara dos Deputados pede acesso a CPF de brasileiros via blockchain

·2 minuto de leitura

A Câmara dos Deputados em Brasília solicitou acesso à base de dados b-CPF, mantida pelo Dataprev e que utiliza blockchain.

A Câmara dos Deputados firmou um contrato com o Dataprev para acessar a base de dados de CPF da população brasileira. Um extrato do acordo foi publicado nesta quarta-feira (26) no Diário Oficial da União.

Segundo o documento, o contrato tem como objetivo a “prestação de serviços de processamento de dados base CPF por blockchain”.

CPF na blockchain

A blockchain oferece ao governo brasileiro a possibilidade de consultar dados de maneira mais confiável do que em uma base de dados comum.

A tecnologia pode ser de fundamental importância para órgãos públicos especialmente este ano pela incerteza da realização do Censo Demográfico. O executivo cancelou o Censo 2021, mas o STF ordenou a realização após acatar pedido do governo do Maranhão. A pesquisa, no entanto, deverá ser realizada apenas em 2022.

Ao acessar a base de CPF do Dataprev, parlamentares evitam ficar “às cegas” na hora de formular Projetos de Lei com dados atualizados da população brasileira. Vale ressaltar que o CPF foi aprovado por Lei como o único número de identificação no país.

blockchain
blockchain

O Dataprev, que é vinculado ao Ministério da Economia, já vem desenvolvendo uma base de dados de CPF em blockchain desde 2018. O b-CPF, como é chamado, já foi integrado a vários órgãos e estava disponível, por exemplo, em Tribunais de alguns estados mediante contratos similares como o assinado com o Legislativo.

Além disso, CPFs atrelados à blockchain já estão sendo usados para consultar pedidos indevidos do Auxílio Emergencial, mesmo que com atraso. Desde a criação do Auxílio, hackers vêm aproveitando brechas para aplicar golpes e se apropriar do benefício, algo que o sistema do Dataprev visa combater.

Transformação digital do governo brasileiro

Segundo o superintendente da Dataprev, Antônio Hobmeier, a rede blockchain tem acelerado a transformação digital do governo brasileiro, em diversas esferas.

O INCRA, por exemplo, tem utilizado a tecnologia para ajudar a regularizar o assentamento de mais de 600 mil famílias no Brasil. Além disso, a blockchain tem sido usada em iniciativas públicas na área da saúde, da justiça e na capacitação de servidores públicos. Pesquisadores tem considerado a blockchain até mesmo para a arrecadação de impostos no país.

O artigo Câmara dos Deputados pede acesso a CPF de brasileiros via blockchain foi visto pela primeira vez em BeInCrypto.