Mercado fechará em 1 h 18 min
  • BOVESPA

    110.244,04
    -1.679,89 (-1,50%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.812,17
    -422,20 (-0,82%)
     
  • PETROLEO CRU

    78,52
    -1,46 (-1,83%)
     
  • OURO

    1.783,20
    -26,40 (-1,46%)
     
  • BTC-USD

    17.093,56
    +88,09 (+0,52%)
     
  • CMC Crypto 200

    403,77
    -7,45 (-1,81%)
     
  • S&P500

    4.008,56
    -63,14 (-1,55%)
     
  • DOW JONES

    34.017,54
    -412,34 (-1,20%)
     
  • FTSE

    7.567,54
    +11,31 (+0,15%)
     
  • HANG SENG

    19.518,29
    +842,94 (+4,51%)
     
  • NIKKEI

    27.820,40
    +42,50 (+0,15%)
     
  • NASDAQ

    11.852,50
    -157,75 (-1,31%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5284
    +0,0344 (+0,63%)
     

BYD promete trazer sedan e hatch elétricos para o Brasil em 2023

A BYD está preparando um pacote bastante interessante para trazer ao Brasil em 2023. A reportagem do Canaltech apurou, durante o test-drive com o Song Plus DM-i, primeiro SUV híbrido da marca no país, que a montadora chinesa terá ao menos mais dois carros em seu line-up no ano que vem.

Os modelos que estão na “rampa de lançamento” da China para o Brasil são um novo sedan premium, mas mais acessível que o Han, e um hatch, ainda inédito entre os carros da marca que já rodam por aqui. Ambos serão 100% elétricos, a exemplo do Tan, do Han e do BYD Yuan, este programado para dezembro de 2022.

BYD Seal é apontado como rival do Tesla Model 3 (Imagem: Divulgação/BYD)
BYD Seal é apontado como rival do Tesla Model 3 (Imagem: Divulgação/BYD)

O sedan premium a caminho do Brasil é o BYD Seal. Entre os destaques do imponente modelo de 4,80 m de comprimento estão a bateria, que pode oferecer uma autonomia de até 700 quilômetros em sua versão topo de linha, o potente motor e o visual, que lembram, propositalmente, o Tesla Model 3.

O primeiro hatch da marca a entrar no mercado brasileiro será o Dolphin. Lançado na Colômbia no início de outubro, o carro trabalhará com uma autonomia interessante, de cerca de 405 quilômetros por carga, e um pacote de acessórios completo, com tecnologia de ponta e itens de segurança também encontrados nos carros premium.

O Dolphin lançado na Colômbia tem motor elétrico montado no eixo dianteiro, com potência equivalente a 94 cavalos e torque de 18,4 kgfm. Ele foi projetado em cima do conceito BYD EA1 e estreou a arquietetura e-Plattform 3.0 da marca.

Lançado na Colômbia, BYD Dolphin foi confirmado para o Brasil em 2023 (Imagem: Divulgação/BYD)
Lançado na Colômbia, BYD Dolphin foi confirmado para o Brasil em 2023 (Imagem: Divulgação/BYD)

Facelift confirmado

Além dos dois novos carros 100% elétricos que chegarão entre março e outubro, a BYD antecipou que o primeiro modelo premium apresentado no Brasil, o Tan, receberá seu primeiro facelift.

Segundo a montadora, o SUV de 7 lugares passará por uma repaginada em seu design na China e, no máximo até dezembro, terá a versão com as mudanças visuais implementadas também lançada no mercado nacional.

Preços dos lançamentos da BYD

O fato de não ser um carro potente como os outros já apresentados refletirá no preço do hatch, que certamente atingirá uma gama maior de público por aqui.

Enquanto o BYD Seal terá seu preço na casa dos R$ 400 mil, a reportagem do Canaltech apurou que o Dolphin, primeiro hatch 100% elétrico da marca no Brasil, não custará mais do que R$ 200 mil.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: