Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.345,82
    +1.857,94 (+1,71%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.376,89
    -141,41 (-0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,52
    -0,77 (-0,70%)
     
  • OURO

    1.848,70
    +0,90 (+0,05%)
     
  • BTC-USD

    29.242,30
    -868,48 (-2,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    654,37
    -20,51 (-3,04%)
     
  • S&P500

    3.973,75
    +72,39 (+1,86%)
     
  • DOW JONES

    31.880,24
    +618,34 (+1,98%)
     
  • FTSE

    7.513,44
    +123,46 (+1,67%)
     
  • HANG SENG

    20.390,90
    -79,16 (-0,39%)
     
  • NIKKEI

    26.897,62
    -103,90 (-0,38%)
     
  • NASDAQ

    11.873,25
    -162,00 (-1,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1256
    -0,0221 (-0,43%)
     

Bug no sistema da Amazon lança promoções cumulativas e produtos de graça

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·3 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Alguns clientes aproveitaram a coletânea de descontos na Amazon para aumentar a coleção de livros
Alguns clientes aproveitaram a coletânea de descontos na Amazon para aumentar a coleção de livros
  • Nas redes sociais, as ofertas-relâmpago da Amazon repercutiram nas redes

  • O alto tráfego apresentou diversas falhas, o que dificultou a criação de novas contas

  • Além de celebrarem os cupons, os internautas ressaltaram temer o cancelamento das compras

Um suposto erro no sistema da Amazon Brasil fez com que a empresa disparasse uma série de cupons de desconto acumulativos, garantindo produtos gratuitos aos brasileiros, no início da manhã desta quarta-feira (26).

Por conta da quantidade de usuários na plataforma, o site acabou apresentando instabilidades e ficou algum tempo fora do ar.

De acordo com usuários das redes sociais, a Amazon ofereceu cupons generosos para contas recém-criadas. As promoções foram aplicadas cumulativamente, e além dos preços baixos, também liberou produtos gratuitos como livros, games e aparelhos eletrônicos.

Alguns clientes aproveitaram a coletânea de descontos para aumentar a coleção de livros, enquanto outros apostaram em eletrônicos. Uma das promoções permitiu até mesmo que o Kindle, livro digital da empresa, saísse sem nenhum custo.

O alto tráfego apresentou diversas falhas, o que dificultou a criação de novas contas e a conclusão de pedidos.

Repercussão nas redes sociais

Nas redes sociais, as ofertas-relâmpago repercutiram e o assunto ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter, com cerca de um milhão de publicações.

Além de celebrarem os cupons, os internautas também ressaltaram temer o cancelamento das compras, o que poderia gerar problemas para a empresa, e reclamaram por não terem conseguido aproveitar as ofertas da madrugada.

Uma internauta até mesmo publicou uma lista de cupons dessa leva que podem ser usados até quinta-feira (27).

"Não sofram como eu sofri, aqui tá alguns cupons da Amazon (valem até o dia 27/01). Eu passei horas atrás disso, sejam felizes com seus livros grátis", escreveu.

"Ninguém fala comigo, estou indisponível por motivos de tristeza por não ter conseguido cupom na Amazon", disse outro.

"Desculpa Amazon, mas foi um erro seu. Se cancelarem as compras dos meus amigos vamos atrás do direito do consumidor", afirmou a terceira.

"Chorando em posição fetal até agora porque perdi o bug da Amazon e ia conseguir zerar minha lista de desejos de livros", lamentou mais uma.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos