Mercado fechará em 6 horas 1 minuto
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,82 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,88
    +1,12 (+1,34%)
     
  • OURO

    1.803,50
    +7,20 (+0,40%)
     
  • BTC-USD

    62.776,97
    +2.397,50 (+3,97%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,92 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.228,93
    +24,38 (+0,34%)
     
  • HANG SENG

    26.132,03
    +5,10 (+0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.390,00
    +49,00 (+0,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5113
    -0,0695 (-1,06%)
     

BTS apresenta 'Permission to dance' na ONU após discursar sobre desafios sustentáveis

·4 minuto de leitura

BTS participa, nesta segunda-feira, do evento que marca o início da semana da 76ª Assembleia Geral da ONU. O grupo, formado por RM, Jin, Suga, J-Hope, Jimin, V, Jungkook, colocou líderes mundiais para presenciar uma de suas performances mais icônicas. Os idols gravaram uma apresentação de "Permission to dance" que começa no salão das Nações Unidas, mas termina em meio às pessoas, na cidade de Nova York. Enquanto isso, a transmissão ao vivo reunia mais de 700 mil espectadores.

J-Hope disse que quando saiu a notícia de que o BTS iria à ONU, muitos questionaram se eles já estavam vacinados contra a Covid-19:

"Vou aproveitar essa oportunidade para dizer que sim. Todos nós, os sete, é claro que fomos vacinados"

Ao fazer a introdução para o vídeo especial de "Permission to dance" gravado na ONU, RM reforçou que o grupo desejou passar sua mensagem de superação da pandemia por meio dessa música.

A partir da Coreia do Sul, o grupo chegou de viagem aos Estados Unidos na noite do último sábado. Os idols, parceiro da Unicef desde 2017 na campanha Love Myself (ame a si mesmo) para acabar com o bullying e promover a autoestima, discursam durante o momento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para a Década de Ação.

Na última terça-feira, dia 14, o BTS foi nomeado enviado especial para as gerações e cultura futuras da Coreia do Sul em cerimônia realizada na Casa Azul, onde ficam o escritório e a residência do chefe de Estado. O canal do YouTube da presidência divulgou imagens do momento em que os idols RM, Jin, Suga, J-Hope, Jimin, V e Jungkook receberam seus certificados diplomáticos pelas mãos do presidente Moon Jae-in.

"Vou introduzir o próximo palestrante, possivelmente o mais amado, o BTS", apresentou o presidente sul-coreano, Moon Jae-in.

O líder do BTS, Kim Namjoon, conhecido como RM, disse que "é uma honra" para o grupo estar na ONU, acrescentando que conversou com jovens ao redor do mundo sobre seus sonhos e expectativas para o futuro. Então passou a palavra para Kim Seokjin, chamado também só por Jin, que comentou algumas das respostas recebidas, destacando nelas a vontade de superação. Park Jimin falou sobre as mudanças constantes no mundo, enquanto Jeon Jungkook mostrou empatia com os estudantes que tiveram suas celebrações de formatura canceladas devido a pandemia.

"Ficamos de coração partido quando nossa planejada e longa turnê mundial foi cancelada e por um tempo ansiamos pelos momentos que gostaríamos de ter realizado", disse Jungkook.

Em seguida, Min Yoongi, cujo nome artístico é Suga, disse que o grupo lamentou as experiências que não foram vividas por causa da Covid-19, ao mesmo tempo em que observaram o quanto as atividades comuns são valiosas e eram vistas como algo certo a se concretizarem. Sobre isso, Jimin retomou a fala para ressaltar alguns dos momentos preciosos das pessoas entrevistadas, muitos deles envolvendo ações na natureza.

"Talvez por sentirmos uma sensação de medo avassaladora que nosso tempo na Terra é limitado, nós só comentamos sobre as coisas pelas quais lamentamos e eu estremeço ao pensar em ficar de luto pela Terra", afirmou Jung Hoseok, de nome artístico J-Hope. "Todos concordam que as mudanças climáticas são um problema importante, mas conversar sobre qual pode ser a melhor solução não é fácil. É um assunto do qual é difícil tirar conclusões".

Namjoon destacou a atuação de jovens que decidem se especializar em formas de melhorar a relação da humanidade com o planeta, visando a construir maneiras sustentáveis de menor impacto negativo. Depois apareceu Kim Taehyung, cujo apelido é V, dizendo que espera não ver o futuro como algo penoso.

"Há pessoas que se preocupam com o mundo e estão buscando respostas", acrescentou. "Ainda há muitas páginas em branco na história sobre nós, e pensei que não deveríamos falar como se o final já estivesse escrito".

Os membros do BTS discordaram do termo "geração perdida" para se referir aos jovens enquanto perdura a pandemia. Para eles, a nova geração está buscando novas formas de superar esta situação.

"É por isso que em vez de "geração perdida", um termo mais apropriado seria "geração bem-vinda" porque, no lugar de temer mudanças, essa geração dá as boas-vindas e continua se desenvolvendo", disse Jin.

Para Namjoon, "se acreditarmos nas possibilidades e esperança, quando o inesperado acontece não vamos perder nosso caminho, mas vamos descobrir novos".

"Haverá escolhas que fazemos que talvez não sejam perfeitas, mas isso não significa que não haverá nada que possamos fazer", avaliou Yoongi.

Hoseok declarou que "o importante são as escolhas que tomamos quando enfrentamos mudanças".

Lembrando do enorme número de acessos ao discurso do BTS na ONU em 2018, assim como na Assembleia Geral de 2020, que ocorreu remotamente, a equipe de tecnologia da informação neste ano ficou atenta para não sobrecarregar o sistema quando os idols tomarem a palavra. Em um comunicado sobre o evento, a ONU destacou que foi levado em conta o "enorme tráfego de internet" que o BTS já atraiu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos