Mercado fechará em 1 min
  • BOVESPA

    119.517,17
    -3.446,84 (-2,80%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.797,62
    -857,67 (-1,73%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,80
    +0,52 (+0,80%)
     
  • OURO

    1.820,20
    -15,90 (-0,87%)
     
  • BTC-USD

    54.531,18
    -2.076,26 (-3,67%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.464,01
    -99,82 (-6,38%)
     
  • S&P500

    4.062,83
    -89,27 (-2,15%)
     
  • DOW JONES

    33.583,38
    -685,78 (-2,00%)
     
  • FTSE

    7.004,63
    +56,64 (+0,82%)
     
  • HANG SENG

    28.231,04
    +217,23 (+0,78%)
     
  • NIKKEI

    28.147,51
    -461,08 (-1,61%)
     
  • NASDAQ

    13.007,00
    -339,00 (-2,54%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4038
    +0,0584 (+0,92%)
     

Bruno Marques diz que o coração quase parou com a demora do VAR

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·1 minuto de leitura


Bruno Marques foi o herói da vitória do Peixe contra a Inter de Limeira na noite deste domingo, na Vila Belmiro. Ele entrou na reta final da partida e marcou um gol nos últimos minutos do confronto, tento que decretou o triunfo do Santos por 2 a 1.

Quando entrou em campo, a equipe tinha um homem a menos e era pressionada pelo time do interior. Mas o empate em casa para o Peixe não era um bom resultado, e a equipe foi pra cima.

O gol acabou saindo em uma cobrança de falta que o atacante cavou no ataque. A bola foi alçada na área por Soteldo, o goleiro adversário não segurou a pelota e o atacante fuzilou para as redes. Gol comemorado demais pelo jogador em campo e fora dele, após o apito final.

“Fazia um tempo que eu não estava balançando as redes e tirei um peso das costas. Graças a Deus consegui fazer o gol e saímos com os três pontos”, disse o jogador em entrevista ao canal Premiére.

Só que a comemoração do atacante em campo quase foi melada. Em lance confuso de ser analisado, o jogo ficou paralisado por mais de 5 minutos para análise do VAR.

Em tom de brincadeira, Bruno Marques disse que a espera quase fez seu coração parar de bater.

“Pressão enorme. Coração ali quase que para. Mas graças a Deus deu tudo certo”, disse o centroavante, que chegou ao seu 4º gol em 27 jogos com a camisa alvinegra.