Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.439,37
    -2.354,91 (-2,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.307,71
    -884,62 (-1,69%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,96
    -0,65 (-0,90%)
     
  • OURO

    1.753,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    47.448,16
    -532,17 (-1,11%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.193,48
    -32,05 (-2,62%)
     
  • S&P500

    4.432,99
    -40,76 (-0,91%)
     
  • DOW JONES

    34.584,88
    -166,44 (-0,48%)
     
  • FTSE

    6.963,64
    -63,84 (-0,91%)
     
  • HANG SENG

    24.920,76
    +252,91 (+1,03%)
     
  • NIKKEI

    30.500,05
    +176,71 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.530,00
    +12,25 (+0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1994
    +0,0146 (+0,24%)
     

Braskem tem lucro líquido de R$7,4 bi no 2º trimestre

·1 minuto de leitura

(Reuters) - A Braskem teve um lucro multibilionário no segundo trimestre, refletindo a combinação de melhores preços para seus produtos químicos e o efeito da alta do real contra o dólar.

A petroquímica anunciou nesta quarta-feira que seu lucro de abril a junho somou 7,424 bilhões de reais, quase o triplo do registrado no trimestre anterior e comparável com um prejuízo de 2,5 bilhões de reais um ano antes.

No relatório de resultados, a Braskem citou melhores spreads internacionais de resinas termoplásticas no Brasil, Estados Unidos, Europa e México, além de maiores volumes de vendas, uma vez que a atividade econômica global se recupera gradualmente da crise econômica provocada pela pandemia da Covid-19.

A receita líquida da companhia no trimestre somou 26,4 bilhões de reais, 16% a mais na base sequencial e um salto de 136% no comparativo ano a ano. O chamado resultado operacional recorrente foi de 9,4 bilhões de reais, 35% maior em relação ao primeiro trimestre de 2021.

Além disso, a alta do real contra o dólar fez o resultado financeiro líquido da Braskem a ficar positivo em 957 milhões de reais, após ter sido deficitário em 3,46 bilhões de reais de janeiro a março e em 2,42 bilhões de reais um ano antes.

A Braskem informou ainda que em junho sua estimativa de gastos para implementação medidas referentes ao evento geológico em Alagoas era de 7,67 bilhões de reais, ante 9,176 bilhões no fim do ano passado.

Segundo o documento, a Braskem fechou junho com uma alavancagem financeira, medida pela relação entre dívida líquida e Ebitda em dólares de 1,1 vez, 39% menor em três meses.

(Reportagem de Aluísio Alves)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos