Mercado abrirá em 3 h 54 min

Brasileiros criam projeto pioneiro para apoiar desenvolvedores do Bitcoin

Vinteum, projeto criado por brasileiros para ajudar o futuro do Bitcoin
Vinteum, projeto criado por brasileiros para ajudar o futuro do Bitcoin

Mais uma iniciativa colocada em prática por brasileiros para ajudar o Bitcoin e seu ecossistema foi criada, o Vinteum, um centro de pesquisa e desenvolvimento de Bitcoin sem fins lucrativos dedicado a apoiar os desenvolvedores de Bitcoin no Brasil.

Como o Bitcoin é uma moeda descentralizada, ela depende de sua comunidade para se manter firme.

Dessa forma, é comum que fãs da tecnologia reúnam seus esforços para manter acesa a chama de liberdade da primeira moeda digital descentralizada do mundo.

O projeto Vinteum (21) então é mais um que chega com a intenção de ajudar o ecossistema e, além disso, incluir mais brasileiros no processo.

Brasileiros criam projeto para capacitações em Bitcoin

Anunciado nesta quarta-feira (10), o projeto Vinteum nasce para ser uma referência na construção do Bitcoin a partir da América Latina. De acordo com o objetivo inicial, este deve pesquisar e desenvolver não apenas no Bitcoin, mas também na Lightning Network, não tendo fins lucrativos.

“O Vinteum é um centro de pesquisa e desenvolvimento de Bitcoin sem fins lucrativos dedicado a apoiar os desenvolvedores de Bitcoin no Brasil e em toda a região da América Latina. Vamos treinar e financiar desenvolvedores de código aberto para trabalhar no Bitcoin e na Lightning Network. Nosso objetivo é promover a próxima geração de construtores de Bitcoin.”

Os cofundadores do projeto são Lucas Ferreira (Lightning Labs) e André Neves (CTO e cofundador da ZEBEDEE). Além deles, se une ao projeto Bruno Garcia, desenvolvedor que recentemente colaborou com uma atualização do Bitcoin.

Como patrocinadores do projeto, estão a corretora Okcoin, a Human Rights Foundation (HSR), Sebastian Serrano (Ripio), Wences Casares (Xapo) e John Pfeffer (Pfeffer Capital LP).

Projeto com foco educacional

Sobre a justificativa do Vinteum, os fundadores lembraram que como a moeda é descentralizada, quanto mais fundações surgirem no ecossistema, melhor é a evolução do projeto.

Dessa forma, os brasileiros fãs do Bitcoin destacaram que para se construir um dinheiro mundial, é preciso diversidade.

“A Vinteum se concentrará na construção e crescimento do ecossistema de desenvolvimento do Bitcoin no Brasil e em toda a região da América Latina. Acreditamos que o desenvolvimento do Bitcoin precisa de diversidade. Precisamos de informações de desenvolvedores de todo o mundo se quisermos construir dinheiro global.”

Para quem é um desenvolvedor interessado em Bitcoin, as aplicações para participar do projeto estão abertas.

O projeto conta ainda com suporte da Casa para custódia dos Bitcoins e da empresa Voltage, que organiza a infraestrutura de nodes da Lightning Network.

Fonte: Livecoins