Mercado fechará em 1 h 53 min
  • BOVESPA

    112.111,64
    +221,76 (+0,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.234,62
    +91,62 (+0,18%)
     
  • PETROLEO CRU

    114,74
    +0,65 (+0,57%)
     
  • OURO

    1.857,30
    +3,40 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    28.465,73
    -1.102,12 (-3,73%)
     
  • CMC Crypto 200

    617,84
    -11,66 (-1,85%)
     
  • S&P500

    4.125,22
    +67,38 (+1,66%)
     
  • DOW JONES

    32.963,25
    +326,06 (+1,00%)
     
  • FTSE

    7.585,46
    +20,54 (+0,27%)
     
  • HANG SENG

    20.697,36
    +581,16 (+2,89%)
     
  • NIKKEI

    26.781,68
    +176,84 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    12.584,50
    +305,25 (+2,49%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,0803
    -0,0377 (-0,74%)
     

Brasileiro funcionário 'mais antigo do mundo' faz 100 anos com festa em SC

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

FLORIANÓPOLIS, SC (FOLHAPRESS) - O município de Brusque, em Santa Catarina, fez festa nesta semana para comemorar os cem anos de um de seus cidadãos mais ilustres, Walter Orthmann. Funcionário na mesma empresa há 84 anos, ele conquistou o título de carreira mais longa do mundo pelo Guinness World Records em 2018.

Orthmann, contudo, não se deu por satisfeito e bateu o próprio recorde neste ano, ao completar seu centenário.

Para chegar aos cem, segundo ele, o segredo é cuidar da saúde e da alimentação. Por isso, diariamente faz atividades físicas e a cada quatro meses passa por uma bateria de exames médicos.

Ele também foi a primeira pessoa a ser vacinada contra a Covid-19 em Brusque. "Não é fácil. Para estar aqui hoje, precisei me preparar", disse o gerente comercial ao receber seus mais de 700 convidados durante sua festa de aniversário.

Todos os dias, Orthmann dirige até a empresa e trabalha como gerente comercial, orientando os funcionários mais jovens e acompanhando as vendas. Para ele, todo mundo precisa de um propósito para se manter ativo. "Se as pessoas não têm um motivo para se levantar da cama, elas não vivem", diz.

Para permanecer tanto tempo numa mesma empresa, ele dá algumas dicas. "É preciso focar no que o cliente precisa, ter honestidade, comprometimento e trabalhar com verdade", conta. "Minha maior alegria é esta, viver com saúde e continuar trabalhando com vendas, função que executo há 60 anos", diz.

Por ter testemunhado a modernização da empresa em diferentes etapas e cultivados vínculos ao longo dos anos, muitos dos negócios só são fechados com o seu atendimento.

"O trabalho dele é muito importante para a empresa, ele é ativo, conhece os clientes, sabe dos números", conta Yago Gomes, assistente de marketing que trabalha diretamente com Orthmann.

O primeiro dia de trabalho formal de Orthmann foi em 17 de janeiro de 1938, data anterior à existência da CLT, criada cinco anos depois, durante o governo de Getúlio Vargas.

Desde quando começou a trabalhar na empresa, ele já recebeu seu salário em oito moedas diferentes.

Seu cargo inicialmente era de assistente de expedição nas Indústrias Renaux S.A, hoje RenauxView, uma das empresas mais antigas de Brusque, forte polo têxtil no país.

Depois, tornou-se office boy, em seguida assistente administrativo até chegar ao posto de gerente de vendas, sua função atual.

Em 2018, segunda vez que recebeu o título do Guinness, ele chegou a se reunir com o então presidente Michel Temer (MDB) em Brasília, ano em que também recebeu do Tribunal Superior do Trabalho a comenda da ordem do Mérito Judiciário do Trabalho.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos