Mercado abrirá em 2 h 47 min
  • BOVESPA

    106.363,10
    -56,43 (-0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.714,60
    -491,99 (-0,94%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,27
    -0,39 (-0,47%)
     
  • OURO

    1.802,20
    +3,40 (+0,19%)
     
  • BTC-USD

    60.654,23
    +1.533,23 (+2,59%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.465,92
    -8,41 (-0,57%)
     
  • S&P500

    4.551,68
    -23,11 (-0,51%)
     
  • DOW JONES

    35.490,69
    -266,19 (-0,74%)
     
  • FTSE

    7.229,92
    -23,35 (-0,32%)
     
  • HANG SENG

    25.555,73
    -73,01 (-0,28%)
     
  • NIKKEI

    28.820,09
    -278,15 (-0,96%)
     
  • NASDAQ

    15.657,25
    +70,00 (+0,45%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4511
    +0,0264 (+0,41%)
     

Brasil registra mais 485 mortes por Covid; número de casos passa por revisão

·1 minuto de leitura

(Reuters) - O Brasil registrou nesta terça-feira 485 novas mortes por Covid-19, o que eleva o total de vítimas fatais da doença no país a 591.440, informou o Ministério da Saúde.

A pasta também informou que o número total de casos foi revisado para baixo em 573, somando agora 21.247.094.

De acordo com o Ministério da Saúde, foram registrados nesta terça 11.455 novos casos de Covid, mas uma decisão do Ceará de corrigir sua base de dados reduziu o número de casos no Estado em 12.028, de acordo com o ministério.

Rio de Janeiro e Bahia não tiveram os dados atualizados.

A Secretaria da Saúde do Estado do Ceará (SESA) informou que foram corrigidos alguns processos de extração, tratamento e limpeza na base de dados, o que poderá influenciar os quantitativos gerais também nos próximos dias.

Em termos absolutos, o Brasil é o segundo país com maior número de óbitos pela doença, atrás somente dos Estados Unidos, e o terceiro em contagem de casos, abaixo de EUA e Índia.

O país, no entanto, tem registrado redução nos números da pandemia na média das últimas semanas, à medida que avança em sua campanha de vacinação contra a Covid-19.

A média móvel de mortes diárias nos últimos 14 dias chegou nesta terça a 519, em comparação com pico de quase 3.000 em abril.

O governo federal ainda reporta 405.456 pacientes de Covid-19 em acompanhamento.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos