Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.031,56
    +473,89 (+0,44%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.034,63
    +116,35 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,61
    +0,56 (+0,78%)
     
  • OURO

    1.785,20
    +0,50 (+0,03%)
     
  • BTC-USD

    50.801,75
    +78,43 (+0,15%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.324,74
    +19,62 (+1,50%)
     
  • S&P500

    4.701,21
    +14,46 (+0,31%)
     
  • DOW JONES

    35.754,75
    +35,32 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.337,05
    -2,85 (-0,04%)
     
  • HANG SENG

    23.996,87
    +13,21 (+0,06%)
     
  • NIKKEI

    28.860,62
    +405,02 (+1,42%)
     
  • NASDAQ

    16.383,00
    +65,00 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2820
    -0,0577 (-0,91%)
     

Brasil registra maior queda de média móvel de mortes por covid-19

·1 min de leitura

Na última terça-feira (9), o Brasil registrou a maior queda na média móvel de óbitos por covid-19 desde o início da pandemia. A redução na média corresponde a 31,24% em relação aos 14 dias anteriores. Comparado com o registrado no pico da pandemia, que aconteceu em 19 de abril, a diminuição da média móvel de óbitos é de 91,62%.

De acordo com o Ministério da Saúde, terça (8) foi o terceiro dia consecutivo em que o Brasil obteve a menor média móvel de mortes pela doença em todo o ano de 2021. Além disso, nove estados e o Distrito Federal não registraram mortes por covid.

Brasil registra maior queda de média móvel de mortes por covid-19 até então (Imagem: HwangMangjoo/Rawpixel)
Brasil registra maior queda de média móvel de mortes por covid-19 até então (Imagem: HwangMangjoo/Rawpixel)

A pasta menciona que a Campanha de Vacinação contribui para essa diminuição. O país chegou a uma marca de 279 milhões de doses aplicadas e quase 88,8% da população-alvo vacinada com a primeira dose. Mais de 70% da população-alvo está completamente vacinada. Enquanto isso, o índice de pessoas completamente imunizadas é de 69,5%.

O Brasil já contou com a distribuição de mais de 344 milhões de doses de vacinas contra a covid-19. O governo federal garante, para 2022, mais de 354 milhões de doses (100 milhões da Pfizer, 120 milhões da AstraZeneca e 134 milhões de vacinas remanescentes da campanha de 2021).

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos