Mercado abrirá em 2 h 25 min
  • BOVESPA

    109.068,55
    -1.120,02 (-1,02%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.725,96
    -294,69 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,61
    +0,60 (+0,83%)
     
  • OURO

    1.795,40
    -2,60 (-0,14%)
     
  • BTC-USD

    16.824,38
    -8,16 (-0,05%)
     
  • CMC Crypto 200

    395,01
    -7,02 (-1,75%)
     
  • S&P500

    3.933,92
    -7,34 (-0,19%)
     
  • DOW JONES

    33.597,92
    +1,58 (+0,00%)
     
  • FTSE

    7.486,04
    -3,15 (-0,04%)
     
  • HANG SENG

    19.450,23
    +635,41 (+3,38%)
     
  • NIKKEI

    27.574,43
    -111,97 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    11.532,00
    +22,50 (+0,20%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4745
    +0,0081 (+0,15%)
     

Brasil pode crescer mais do que a China em 2022, diz Guedes

Ministro da Economia, Paulo Guedes, fala em cerimônia em Brasília

BRASÍLIA (Reuters) - Pode ser que em 2022 a economia do Brasil cresça mais do que a China pela primeira vez em 42 anos, disse nesta quarta-feira o ministro da Economia, Paulo Guedes.

Na terça-feira, o Banco Mundial reduziu a previsão para o crescimento econômico da China para 2,8%, uma desaceleração significativa em relação à previsão anterior do banco de 5,0%.

No Brasil, a previsão atual do Ministério da Economia para o PIB de 2022 está em 2,7%, mas Guedes tem afirmado que espera uma alta de até 3%. O mercado, segundo a pesquisa Focus mais recente, estima que a economia crescerá 2,67% em 2022.

Em entrevista ao programa Pânico, na rádio Jovem Pan, na qual disse estar falando como cidadão, não como ministro, por estar em horário de almoço, Guedes afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem méritos, mas disse que foi o governo Jair Bolsonaro o responsável por triplicar repasses sociais no Auxílio Brasil.

(Por Bernardo Caram)