Brasil ocupa a quinta pior posição em ranking de atendimento ao cliente

SÃO PAULO – Os consumidores brasileiros não estão satisfeitos com o atendimento aos clientes oferecidos pelas empresas, segundo um levantamento realizado pela empresa Zendesk. O País ocupou a quinta pior posição em ranking, entre 28 outras nações.

O índice de satisfação dos clientes no Brasil, no segundo trimestre de 2013, foi de 70%, ficando à frente da Bélgica (69%), Turquia (68%), África do Sul (60%) e Emirados Árabes Unidos (58%). Apesar da baixa classificação, o índice brasileiro subiu oito pontos percentuais em relação ao primeiro trimestre do ano, e mais do que a média mundial, que cresceu três pontos percentuais, chegando a 81% de satisfação.

Do outro lado do ranking, a Nova Zelândia lidera a lista com 92% de satisfação, seguida pelo Canadá (91%), Austrália (89%) e Noruega (89%). Veja abaixo o ranking completo:

Atendimento ao Cliente
Posição País  Índice de satisfação Variação
Fonte: Zendesk
1º lugar Nova Zelândia 92% -1 p.p.
2º lugar Canadá 91% 4 p.p.
3º lugar Austrália 89% 4 p.p.
4º lugar Noruega 89% 2 p.p.
5º lugar Dinamarca 89% 1 p.p.
6º lugar Reino Unido  87% 1 p.p.
7º lugar República Tcheca 87% 4 p.p.
8º lugar Finlândia 86% 1 p.p.
9º lugar Rússia 86% 6 p.p.
10º lugar México 85% 4 p.p.
11º lugar Suécia 83% 2 p.p.
12º lugar Estados Unidos 82% 2 p.p.
13º lugar Chile 82% 1 p.p.
14º lugar Polônia 82% 4 p.p.
15º lugar Alemanha 81% 2 p.p.
16º lugar Malásia 79% 3 p.p.
17º lugar França 79% 1 p.p.
18º lugar Países Baixos 77% 8 p.p.
19º lugar Itália 77% 2 p.p.
20º lugar Israel 77% 2 p.p.
21º lugar Espanha 75% 7 p.p.
22º lugar Índia 74% 1 p.p.
23º lugar Singapura 71% -3 p.p.
24º lugar Brasil 70% 8 p.p.
25º lugar Bélgica 69% 4 p.p.
26º lugar Turquia 68% 3 p.p.
27º lugar África do Sul 60% 16 p.p.
28º lugar Emirados Árabes 58% 5 p.p.

Segmentos
A pesquisa também levou em conta o índice de satisfação por indústria. Neste caso, os clientes do ramo da educação são os mais satisfeitos (95%), seguidos pelos de serviços e consultoria de TI (95%) e imobiliário (94%).

Já o setor de Mídia Social foi o pior avaliado, com 64% de satisfação. Logo depois estão o setor de Mídia e Telecomunicações (73%) e Entretenimento e Jogos (76%).

Carregando...