Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.232,74
    +1.308,56 (+1,22%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.563,98
    +984,08 (+1,98%)
     
  • PETROLEO CRU

    113,89
    -0,31 (-0,27%)
     
  • OURO

    1.822,90
    +8,90 (+0,49%)
     
  • BTC-USD

    30.072,88
    -961,42 (-3,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    667,04
    +424,36 (+174,87%)
     
  • S&P500

    4.008,01
    -15,88 (-0,39%)
     
  • DOW JONES

    32.223,42
    +26,76 (+0,08%)
     
  • FTSE

    7.464,80
    +46,65 (+0,63%)
     
  • HANG SENG

    19.950,21
    +51,44 (+0,26%)
     
  • NIKKEI

    26.547,05
    +119,40 (+0,45%)
     
  • NASDAQ

    12.236,75
    -146,00 (-1,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2805
    +0,0214 (+0,41%)
     

Brasil encerra abril com 542 mil casos de dengue, o equivalente a 2021 inteiro

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Nesta segunda-feira (2), o Ministério da Saúde anunciou que o Brasil atingiu 542 mil casos de dengue, um número que ressalta a preocupação com o surto que a doença tem mostrado no país, principalmente considerando o fato de que esse número foi o equivalente a todo o ano de 2021, e o fim do primeiro semestre de 2022 ainda está longe de acontecer.

Trata-se de um aumento de 113% nos casos da doença, em relação a 2021, conforme aponta o boletim em questão. Até 16 de abril, a região Centro-Oeste foi a responsável por apresentar a maior taxa de incidência da doença: 920,4 casos a cada 100 mil habitantes.

A preocupação se concentra principalmente em Goiás, líder da incidência de dengue em todo o Brasil, com direito a 1.366 casos a cada 100 mil habitantes. A diferença é bem notável em relação à maioria dos outros estados, que atingem cerca de 254 casos para cada 100 mil habitantes.

O documento compartilhado pelo Ministério da Saúde também ressalta que muitos estados já superaram demais o número de casos do ano passado, como:

  • Rondônia (5.139)

  • Tocantins (16.846)

  • Maranhão (1.771)

  • Piauí (5.220)

  • Rio Grande do Norte (6.278)

  • Minas Gerais (37.169)

  • Paraná (65.437)

  • Santa Catarina (36.979)

  • Rio Grande do Sul (27.461)

  • Goiás (98.455)

  • Distrito Federal (29.928)

Por enquanto, a Pasta confirmou 160 mortes por dengue no Brasil. Os maiores números vêm de São Paulo (56), Santa Catarina (19), Goiás (19) e Bahia (16). Entretanto, o número pode ser quase o dobro, uma vez que ainda há outras 228 possíveis pela doença, que se encontram sob análise.

Sintomas da dengue

Brasil encerra abril com 542 mil casos de dengue, o equivalente a 2021 inteiro (Imagem: EdVal/Envato)
Brasil encerra abril com 542 mil casos de dengue, o equivalente a 2021 inteiro (Imagem: EdVal/Envato)

De acordo com o Ministério da Saúde, a dengue é "a arbovirose urbana mais prevalente nas Américas, principalmente no Brasil. É uma doença febril que tem se mostrado de grande importância em saúde pública nos últimos anos. O vírus dengue (DENV) é um arbovírus transmitido pela picada da fêmea do mosquito Aedes aegypti e possui quatro sorotipos diferentes (DENV-1, DENV-2, DENV-3 e DENV-4)".

A Pasta ressalta que o período do ano com maior transmissão da doença ocorre nos meses mais chuvosos de cada região, geralmente de novembro a maio, e que o acúmulo de água parada contribui para a proliferação do mosquito. Os principais sintomas da doença são:

  • Febre alta

  • Dor no corpo e articulações

  • Dor atrás dos olhos

  • Mal estar

  • Falta de apetite

  • Dor de cabeça

  • Manchas vermelhas no corpo

O Ministério orienta que, diante de sintomas da dengue, é importante procurar um serviço de saúde para diagnóstico e tratamento adequados, todos oferecidos de forma integral e gratuita por meio do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos