Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.251,23
    -1.050,19 (-3,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Brasil é um dos países que mais acredita em empresários no mundo

·1 min de leitura
  • China aparece no topo da pesquisa, com cerca de 84% de sua população cofiando em empresários;

  • Pesquisa foi realizada em 28 países ao redor do mundo;

  • Confiança nas empresas é maior que confiança no governo em 23 dos países pesquisados.

Uma recente pesquisa encomendada pela empresa alemã Statista, especializada em pesquisas de mercado e consumo, revelou que o Brasil é o 3º país em que mais se tem confiança em empresários no mundo.

Realizada em novembro de 2021, o levantamento abrange 28 países ao redor do mundo e ouviu 36 mil pessoas, que foram perguntados se eles confiavam nas empresas para "fazer a coisa certa".

O estudo descobriu que as pessoas na China, Indonésia e Índia têm a maior confiança em 84%, 81% e 79%. por cento, respectivamente.

Leia também:

O Brasil aparece no topo da lista, com 64% das pessoas mostrando confiança nos executivos e nas empresas.

Certamente um nível de confiança dos clientes nas empresas será importante na recuperação econômica que os países deverão experimentar quando a pandemia finalmente chegar ao fim.

O número nos Estados Unidos foi surpreendente. O levantamento mostrou que apenas 49% dos estadunidenses confiam na boa vontade dos empresários.

A Rússia, por sua vez, também ficou dentre os países mais negativos, com apenas 34% de seus cidadãos mostrando confiança nas empresas.

No geral, onze países viram um aumento da confiança nas empresas, enquanto onze registraram uma queda.

Em comparação com a confiança no governo, parece que as empresas saíram na frente. Em 23 dos 28 países pesquisados as empresas levaram a melhor. Já em números totais, 61% dos entrevistados mundialmente têm uma confiança nas empresas, enquanto 52% confiam em seus governos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos