Bovespa oscila e sobe após abertura, atenta à Grécia

A semana começa com a boa notícia da aprovação do orçamento de 2013 na Grécia, mas com a incerteza sobre a chegada do socorro financeiro ao país. A expectativa está na reunião do Eurogrupo em Bruxelas, que discutirá a situação grega. Dados positivos da China divulgados no sábado (10) ajudam no humor do investidor. Seguindo os futuros em Nova York, o Ibovespa opera em leve alta, após oscilar entre o negativo e positivo nos primeiros minutos após a abertura. No front doméstico, a agenda comporta 66 balanços corporativos em uma semana mais curta por causa do feriado de 15 de novembro.

Às 10h05, o Ibovespa subia 0,30%, aos 57.530,80 pontos. Em Wall Street, no mercado futuro, o Dow Jones subia 0,03%, S&P 500 tinha alta de 0,19% e Nasdaq avançava ganhava 0,24%. É válido lembrar que nesta segunda-feira é feriado nos Estados Unidos (Dia do Veterano). As Bolsas de Nova York funcionam normalmente, mas a expectativa é de menor liquidez. Na Europa, as bolsas trilhavam caminhos diferentes: Londres +0,22%; Paris -0,13%; Frankfurt +0,24%; Lisboa +0,15%; Madri -0,73%; Milão -0,93%.

"Creio que a Bolsa hoje deve ensaiar uma recuperação. Existe a expectativa de que mesmo não sendo anunciada a ajuda à Grécia na reunião do Eurogrupo, pelo menos que eles deem uma sinalização nessa direção", avalia um operador de uma corretora em São Paulo.

Os ministros de Finanças da zona do euro reúnem-se nesta segunda-feira, mas não significa que uma decisão sobre desembolso à Grécia, de cerca de US$ 40 bilhões, será liberado, mesmo após o Parlamento daquele país ter se comprometido a cortar cerca de US$ 12 bilhões de gastos públicos.

Na China, o superávit comercial subiu 15,6%, para US$ 31,99 bilhões em outubro, de US$ 27,67 bilhões em setembro, graças a uma melhora nas exportações, ficando acima das estimativas. As exportações subiram 11,6% em outubro, superando previsão de alta de 10%. Outro dado positivo foi o de preços de moradias usadas, que subiram nas seis maiores cidades da China em outubro pelo sétimo mês consecutivo. Segue no radar dos mercados o 18º Congresso do Partido Comunista, que marca a transição de poder político no país.

No Brasil, os olhares se concentram na rodada de balanços trimestrais, entre elas: B2W, BRF Brasil Foods, Transmissão Paulista, Gol, Lojas Americanas, Rossi, Bradespar, Cemig, Eletrobras e Oi.

Nesta segunda-feira, a Cesp divulgou lucro líquido de R$ 149,5 milhões no terceiro trimestre, revertendo prejuízo de R$ 98,5 milhões em igual período do ano passado, 20% abaixo da expectativa de analistas. A Light também reverteu prejuízo do mesmo intervalo de 2011 e apurou lucro líquido de R$ 84,1 milhões no terceiro trimestre deste ano. Destaque também para as ações da Sabesp, por causa da divulgação, nesta terça-feira (13), da proposta para revisão tarifária.

Em tempo: a Marfrig Alimentos informou que o preço da oferta pública de distribuição primária de, inicialmente, 105 milhões de ações ordinárias será fixado no dia 4 de dezembro. Ao preço do fechamento da ação na última sexta-feira (R$ 10,70), a oferta poderia alcançar R$ 1,517 bilhão, incluindo os lotes extras.

Carregando...