Mercado fechará em 5 h 10 min
  • BOVESPA

    123.116,96
    +1.315,75 (+1,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.280,68
    +85,25 (+0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,45
    +0,30 (+0,44%)
     
  • OURO

    1.804,50
    -10,00 (-0,55%)
     
  • BTC-USD

    38.878,80
    -195,92 (-0,50%)
     
  • CMC Crypto 200

    974,05
    -1,85 (-0,19%)
     
  • S&P500

    4.419,80
    +17,14 (+0,39%)
     
  • DOW JONES

    34.988,75
    +196,08 (+0,56%)
     
  • FTSE

    7.113,38
    -10,48 (-0,15%)
     
  • HANG SENG

    26.204,69
    -221,86 (-0,84%)
     
  • NIKKEI

    27.728,12
    +144,04 (+0,52%)
     
  • NASDAQ

    15.121,00
    +47,50 (+0,32%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0822
    -0,0361 (-0,59%)
     

Botucatu: aplicação em massa de 1ª dose reduz em 71% os casos de COVID na cidade

·2 minuto de leitura

No combate à pandemia da COVID-19, diferentes estudos avaliam a eficácia das vacinas no mundo real, como a pesquisa realizada em Botucatu, no interior de São Paulo. Após seis semanas da aplicação da primeira dose do imunizante Covishield (AstraZeneca/Oxford), foi observada uma queda de 71,3% nos novos casos do coronavírus SARS-CoV-2 na cidade.

Ainda em andamento, o estudo de Botucatu é coordenado pelo Ministério da Saúde e pela Universidade Estadual Paulista (Unesp). Por enquanto, foi imunizada a população adulta da cidade com a vacina. Nas próximas semanas, os moradores do município devem receber a segunda dose, quando o índice de transmissão do coronavírus deve se tornar ainda menor.

Vacinação em massa derruba transmissão da COVID-19 em Botucatu (Imagem: Reprodução/Twenty20photos/Envato)
Vacinação em massa derruba transmissão da COVID-19 em Botucatu (Imagem: Reprodução/Twenty20photos/Envato)

Além da queda no número de novas infecções, as internações em decorrência da COVID-19 também apresentaram uma redução de 46%. “As vacinas são doses de esperança para a população brasileira. A diminuição dos casos com a primeira dose já mostra bons resultados do estudo em Botucatu, que serve de base para o resto do país”, afirmou o Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, durante a divulgação dos resultados iniciais.

Estudo sobre os efeitos da vacinação

O programa de vacinação em massa contra o coronavírus foi inciado, na cidade, no dia 16 de maio, quando 65 mil moradores receberam a primeira dose da vacina da AstraZeneca/Oxford. Até o momento, cerca de 77 mil moradores receberam, através do estudo, a primeira dose da vacina, cuja segunda dose é aplicada após 90 dias.

O município de Botucatu tem cerca de 150 mil habitantes, dos quais 106 mil são maiores de 18 anos. Dessa forma, é possível afirmar que cerca de 72,6% da população já recebeu alguma dose do imunizante contra a COVID-19. O estudo também investiga a eficácia da vacina contra as variantes da cepa original do novo coronavírus.

Estudo similar, realizado com a vacina CoronaVac e coordenado pelo Instituto Butantan, no município de Serrana, também em São Paulo, apresentou resultados positivos com a vacinação em massa. Segundo os resultados do Projeto S, foi possível controlar a transmissão do coronavírus quando mais de 75% da população foi imunizada. A queda de mortes na cidade chegou a 95%.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos