Mercado fechará em 2 h 23 min
  • BOVESPA

    117.245,56
    +1.015,45 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.784,80
    -261,78 (-0,57%)
     
  • PETROLEO CRU

    87,72
    +1,20 (+1,39%)
     
  • OURO

    1.721,00
    -9,50 (-0,55%)
     
  • BTC-USD

    20.212,58
    +252,14 (+1,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    458,14
    -0,26 (-0,06%)
     
  • S&P500

    3.774,62
    -16,31 (-0,43%)
     
  • DOW JONES

    30.236,92
    -79,40 (-0,26%)
     
  • FTSE

    7.052,62
    -33,84 (-0,48%)
     
  • HANG SENG

    18.087,97
    +1.008,46 (+5,90%)
     
  • NIKKEI

    27.120,53
    +128,32 (+0,48%)
     
  • NASDAQ

    11.599,50
    -41,25 (-0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1275
    -0,0404 (-0,78%)
     

Bot promete transcrever com precisão áudios do WhatsApp

Uma nova ferramenta alternativa para WhatsApp permite transcrever mensagens de áudio. Chamada “Viratexto”, criação da empresa Take Blip, a ferramenta é um contato especial acessível via WhatsApp que, quando recebe um envio em áudio no app, o transforma em texto.

Para usar a Viratexto, o usuário deve adicionar o número (31) 97228-0540 na lista de contatos do celular, entrar em contato com a conta no WhatsApp e enviar a mensagem de áudio de até 4 minutos que deve ser transcrita. O bot, então, devolverá uma mensagem com o conteúdo da mídia em texto.

A transcrição acontece por meio de um bot da Take Blip (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)
A transcrição acontece por meio de um bot da Take Blip (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)

Essa função é perfeita para pessoas que não gostam de ouvir áudios (nem mesmo em velocidade acelerada), ou não podem fazê-lo por estarem em lugares barulhentos ou sem fones de ouvido. Além disso, o recurso também pode ser uma adição importante em acessibilidade, principalmente para pessoas portadoras de deficiência auditiva.

Ideia surgiu de repente

O mecanismo da Take Blip nasceu de uma necessidade comum de dentro da empresa. “Criamos o Viratexto para facilitar o nosso dia a dia na empresa e começamos a testá-lo internamente”, contou o Diretor de Pesquisa e Inovação da Take Blip, Milton Stiilpen. “Em pouco tempo, vários funcionários se engajaram e passaram a usar o recurso de transcrever áudios do WhatsApp em texto”.

Observando o sucesso da ferramenta, a empresa decidiu levar a ideia para frente e ampliar sua capacidade para uso em território nacional. A expectativa da companhia é transcrever mais de 50 mil áudios nas próximas semanas.

Essa ideia, porém, não é inédita. No Telegram, contatos automatizados que transformam mensagens de áudio em texto existem já há bastante tempo — e até já foram esmiuçadas pelo CT. A diferença, neste caso, está na disponibilidade da funcionalidade.

E a privacidade?

Naturalmente, por se tratar de uma ferramenta externa, uma das preocupações comuns está relacionada à privacidade. Em contato com o Canaltech, a Take Blip ressaltou que “todos os dados são tratados de forma sigilosa e armazenados com segurança”.

Ao entrar em contato com o Viratexto pela primeira vez, o usuário precisa ler e concordar com a Política de Privacidade do bot (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)
Ao entrar em contato com o Viratexto pela primeira vez, o usuário precisa ler e concordar com a Política de Privacidade do bot (Imagem: Igor Almenara/Canaltech)

“A segurança de dados é uma prioridade no funcionamento da Plataforma Blip e com o Viratexto não seria diferente. Levamos a sério o cumprimento das legislações aplicáveis, a exemplo da LGPD. Antes de utilizar o contato inteligente, o usuário tem acesso ao Termo de Uso, um documento com linguagem simples que contém todas as informações do tratamento dos dados feitos por Take Blip”, explicou a empresa.

Segundo a companhia, os dados dos áudios são armazenados temporariamente, de acordo com a finalidade do uso e com as previsões da LGPD. Além disso, uma vez que a ferramenta não é mais necessária, é possível suspender seu uso com facilidade.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: