Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.247,15
    -2.542,18 (-2,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.394,03
    -1.070,00 (-2,08%)
     
  • PETROLEO CRU

    109,34
    -0,25 (-0,23%)
     
  • OURO

    1.814,80
    -1,10 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    29.150,99
    -1.362,83 (-4,47%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,57
    -20,11 (-3,00%)
     
  • S&P500

    3.923,68
    -165,17 (-4,04%)
     
  • DOW JONES

    31.490,07
    -1.164,52 (-3,57%)
     
  • FTSE

    7.438,09
    -80,26 (-1,07%)
     
  • HANG SENG

    20.644,28
    +41,76 (+0,20%)
     
  • NIKKEI

    26.911,20
    +251,45 (+0,94%)
     
  • NASDAQ

    11.894,25
    -41,25 (-0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2198
    +0,0094 (+0,18%)
     

Botão "Editar" do Twitter não vai editar tuítes de fato; entenda

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Mesmo se um tuíte for editado, a versão original dele continuará registrada no Twitter, descobriu a recorrente informante Jane Manchun Wong. O botão "Editar" em desenvolvimento na plataforma não exatamente modificará a publicação original, mas criará outra provavelmente para a sobrepor a ela no feed.

Na prática, o que a ferramenta de edição do Twitter faria é lançar uma nova publicação, enumerada com um novo ID. O post refeito pode ser colocado sobre o tuíte original, preservando o alcance, as respostas e os likes recebidos.

O motivo disso, porém, é um mistério. É possível que a plataforma deixe o registro do tuíte original disponível para consulta pública (como num botão “Ver edição”), ou sirva como base para posts incorporados em sites, a fim de preservar o contexto original da citação.

Dessa forma, embora o Twitter finalmente permita que usuários façam revisões das próprias publicações, a natureza “inalterável” dos tuítes permanece intacta. Se o post original estiver disponível para ver depois, usuários poderiam acompanhar as mudanças dele e conferir o contexto na íntegra, impedindo que as alterações acabassem gerando confusão em retuítes ou nos artigos em que foi mencionado.

Interface está em construção

Até agora, o botão “Editar” não está disponível, mas a interface de edição já parece estar em construção. Ontem (18), o Canaltech noticiou que programadores encontraram a seção de modificação na versão web da rede social — e descobriram que, na verdade, a única diferença estaria num só botão.

Sabe-se que a opção de editar tuítes não estará disponível para todo mundo, mas somente para assinantes Twitter Blue — ao menos, neste primeiro momento. A ferramenta pode ser mantida exclusiva para usuários pagantes, somando mais uma vantagem para quem está disposto desembolsar uma quantia para usar a plataforma. Atualmente, o Twitter Blue não está disponível no Brasil, embora existam indícios de que ele está chegando.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos