Mercado fechará em 3 h 25 min
  • BOVESPA

    116.892,00
    +757,54 (+0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.894,97
    +465,22 (+1,02%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,58
    +2,95 (+3,53%)
     
  • OURO

    1.735,80
    +33,80 (+1,99%)
     
  • BTC-USD

    20.045,25
    +685,14 (+3,54%)
     
  • CMC Crypto 200

    455,45
    +10,01 (+2,25%)
     
  • S&P500

    3.786,55
    +108,12 (+2,94%)
     
  • DOW JONES

    30.297,17
    +806,28 (+2,73%)
     
  • FTSE

    7.086,46
    +177,70 (+2,57%)
     
  • HANG SENG

    17.079,51
    -143,32 (-0,83%)
     
  • NIKKEI

    26.992,21
    +776,42 (+2,96%)
     
  • NASDAQ

    11.626,00
    +340,25 (+3,01%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1346
    +0,0607 (+1,20%)
     

Botão de editar tuítes pode chegar na próxima semana, mas não para todos

O Twitter está próximo de finalmente lançar o botão de edição de tuítes a partir do dia 21 de setembro para assinantes do Twitter Blue. A afirmação é do jornalista Casey Newton, da Platformer, que teria obtido a informação de um informante interno.

Newton sugere que o lançamento inicial será para os assinantes da Nova Zelândia, que já eram apontados como os primeiros a enxergar como será o visual dos posts editados. Somente após a observação do uso pelos neozelandeses que a plataforma expandirá para os usuários nos Estados Unidos, Austrália e Canadá.

A rede social do passarinho anunciou no início deste mês que já estava com testes do recurso. Exibiu uma imagem que mostra como será um tuíte editado e disse que somente um pequeno grupo de selecionados teria acesso na fase inicial, mas que os assinantes do Twitter Blue seriam convidados a experimentar em breve.

O Twitter Blue é um serviço de assinatura com pagamento mensal que oferece acesso a recursos premium, como artigos sem anúncios, ferramentas extras e acesso antecipado a novidades ainda em fase de testes. Por enquanto, está disponível apenas na Austrália, no Canadá, nos Estados Unidos e na Nova Zelândia, sem previsão de chegar ao Brasil.

O que é o botão de editar tweets?

É assim que um tuíte editado vai aparecer na linha do tempo do usuário (Imagem: Reprodução/Twitter)
É assim que um tuíte editado vai aparecer na linha do tempo do usuário (Imagem: Reprodução/Twitter)

O editor de tuítes permite fazer até cinco alterações em um post em até 30 minutos após a publicação. O recurso foi pensado para ajudar quem cometeu algum erro de digitação, esqueceu de fazer o upload de um arquivo de mídia ou não marcou as hashtags corretas antes de o conteúdo se tornar público.

Por ser algo aparentemente simples, usuários pediam a introdução há muitos anos, sempre tendo um não como resposta. O ex-CEO e fundador do Twitter Jack Dorsey, por exemplo, é um dos mais resistentes à mudança, por temer o abuso, alterando o sentido de posts ou colocando imagens impróprias no lugar da original.

Mas a direção atual da rede decidiu seguir com a ideia e inseriu as limitações acima. Além disso, os tuítes editados serão marcados com um ícone de lápis, um carimbo com a data e hora e um rótulo para diferenciá-lo do post original. Será possível também verificar todo o histórico de edição de um "tweet", para que ninguém tente prejudicar o outro.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: