Mercado fechará em 3 h 10 min
  • BOVESPA

    108.111,42
    -290,85 (-0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.100,11
    -254,75 (-0,54%)
     
  • PETROLEO CRU

    89,61
    -1,15 (-1,27%)
     
  • OURO

    1.812,00
    +6,80 (+0,38%)
     
  • BTC-USD

    23.109,84
    -819,48 (-3,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    536,21
    -21,14 (-3,79%)
     
  • S&P500

    4.115,37
    -24,69 (-0,60%)
     
  • DOW JONES

    32.779,94
    -52,60 (-0,16%)
     
  • FTSE

    7.488,15
    +5,78 (+0,08%)
     
  • HANG SENG

    20.003,44
    -42,33 (-0,21%)
     
  • NIKKEI

    27.999,96
    -249,28 (-0,88%)
     
  • NASDAQ

    12.981,00
    -202,25 (-1,53%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,2444
    +0,0350 (+0,67%)
     

Bostic diz que Fed não deve mexer nos juros "muito dramaticamente"

Raphael Bostic, presidente do Federal Reserve Bank de Atlanta

(Reuters) - Mexer na taxa de juros "muito dramaticamente" poderia minar as tendências positivas ainda observadas na economia e aumentar a já elevada incerteza, disse nesta sexta-feira o presidente do Fed de Atlanta, Raphael Bostic.

Bostic não disse explicitamente se defende outro aumento de 0,75 ponto percentual nos juros na próxima reunião do Fed. Entretanto, ele disse a um fórum do Tampa Bay Business Journal que o banco central quer que o aperto monetário seja "ordenado... Mexer muito dramaticamente pode minar muitas daquelas coisas que estão funcionando bem."

Após a divulgação de dados mostrando que os preços ao consumidor subiram mais de 9% em 12 meses até junho, Bostic disse que um movimento de 1 ponto nos juros pode precisar ser considerado na reunião do Fed no final deste mês.

(Reportagem de Howard Schneider)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos