Mercado fechará em 4 h 2 min
  • BOVESPA

    100.829,11
    +65,51 (+0,07%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.237,59
    -57,24 (-0,12%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,72
    +1,15 (+1,05%)
     
  • OURO

    1.821,60
    -3,20 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    20.636,68
    -134,42 (-0,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    449,01
    -1,05 (-0,23%)
     
  • S&P500

    3.858,49
    -41,62 (-1,07%)
     
  • DOW JONES

    31.257,22
    -181,04 (-0,58%)
     
  • FTSE

    7.323,41
    +65,09 (+0,90%)
     
  • HANG SENG

    22.418,97
    +189,45 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    27.049,47
    +178,20 (+0,66%)
     
  • NASDAQ

    11.813,25
    -227,25 (-1,89%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5334
    -0,0107 (-0,19%)
     

Bolsonaro traiu policiais e está tentando dividir o funcionalismo, dizem servidores do Judiciário

***ARQUIVO*** BRASILIA, DF,  BRASIL,  25-05-2022 -  O presidente da república Jair Bolsonaro em anúncio de novas medidas do programa Crédito Brasil Empreendedor (Foto: Gabriela Bilo /Folhapress)
***ARQUIVO*** BRASILIA, DF, BRASIL, 25-05-2022 - O presidente da república Jair Bolsonaro em anúncio de novas medidas do programa Crédito Brasil Empreendedor (Foto: Gabriela Bilo /Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os servidores públicos federais do Judiciário, representados pela Fenajufe (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário e do Ministério Público da União), reagiram à declaração de Jair Bolsonaro (PL) de que tem tido dificuldade para garantir o reajuste a agentes da PRF (Polícia Rodoviária Federal) devido ao restante do funcionalismo.

"Digo a vocês publicamente, PRF, o grande problema não é o nosso lado, são colegas, outros servidores, que não admitem reestruturar vocês sem dar aumento até abusivos para o outro lado", afirmou o presidente.

Lucena Pacheco, coordenadora-geral da Fenajufe, diz que Bolsonaro traiu os policiais e está tentando "criar uma cortina de fumaça para dividir a luta das categorias".

"A inflação corrói o poder de compra de todos os servidores no supermercado, no posto de gasolina e no aluguel", diz ela, afirmando que a estratégia do presidente é ineficaz.

"Não pedimos nada além da recomposição inflacionária para todo o funcionalismo, sem discriminação ou favorecimentos. Inclusive para os policiais. Bolsonaro pode terminar seu mandato como o único governo pós redemocratização a dar 0% de reajuste ao funcionalismo público", completa Lucena.

Na semana passada, o governo decidiu elevar o tamanho do corte no Orçamento deste ano para acomodar um reajuste para os servidores federais. Após o anúncio de uma tesourada de R$ 8,2 bilhões, o valor deve subir para R$ 13,5 bilhões.

O corte maior do que o previsto vem depois que o presidente Jair Bolsonaro anunciou que, embora haja estudos para privilegiar policiais com aumentos diferenciados, a tendência do governo é conceder um reajuste de 5% para os servidores públicos neste ano.

A Fenajufe afirma que essa proposta é insuficiente.

Nesta terça-feira (31), os servidores do Judiciário farão um ato com 500 pessoas na Câmara dos Deputados. Depois, a Fenajufe e outras entidades do funcionalismo serão recebidas por Arthur Lira (PP-AL), presidente da Casa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos