Mercado abrirá em 7 mins
  • BOVESPA

    123.576,56
    +1.060,82 (+0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.633,91
    +764,43 (+1,50%)
     
  • PETROLEO CRU

    69,26
    -1,30 (-1,84%)
     
  • OURO

    1.828,40
    +14,30 (+0,79%)
     
  • BTC-USD

    38.540,68
    +137,82 (+0,36%)
     
  • CMC Crypto 200

    945,06
    +1,62 (+0,17%)
     
  • S&P500

    4.423,15
    +35,99 (+0,82%)
     
  • DOW JONES

    35.116,40
    +278,24 (+0,80%)
     
  • FTSE

    7.123,99
    +18,27 (+0,26%)
     
  • HANG SENG

    26.426,55
    +231,73 (+0,88%)
     
  • NIKKEI

    27.584,08
    -57,75 (-0,21%)
     
  • NASDAQ

    15.033,25
    -13,00 (-0,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1677
    +0,0022 (+0,04%)
     

Bolsonaro sanciona lei que autoriza BC a receber depósitos voluntários

·1 minuto de leitura

Por Patrícia Vilas Boas

SÃO PAULO (Reuters) – O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que permite ao Banco Central acolher depósitos voluntários à vista ou a prazo de instituições financeiras, informou a assessoria de imprensa da Presidência.

Segundo o comunicado divulgado na noite de quarta-feira, a medida também modifica a Lei 12.865/13 para reconhecer a competência do Banco Central na definição da remuneração, dos limites, prazos, formas de negociação e outras condições dos depósitos de entidades não financeiras que integram o Sistema de Pagamentos Brasileiro (SPB).

Com isso, o Banco Central terá de apresentar à Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado informações detalhadas sobre o acolhimento dos depósitos voluntários a prazo.

Na quarta-feira, Bolsonaro deu entrada durante a noite em um hospital em São Paulo para avaliar a necessidade de uma cirurgia de emergência, após ser diagnosticado com obstrução intestinal. Sua agenda teve de ser cancelada.

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos