Mercado fechado

Bolsonaro pede desobstrução de rodovias, mas diz que outras manifestações 'são do jogo democrático'

***ARQUIVO*** RIO DE JANEIRO, RJ, BRASIL, 30-10-2022: O candidato a reeleição para à presidência da república, Jair Bolsonaro, vota na Escola Municipal Rosa da Fonseca, na vila militar, na zona oeste do Rio de Janeiro. (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)
***ARQUIVO*** RIO DE JANEIRO, RJ, BRASIL, 30-10-2022: O candidato a reeleição para à presidência da república, Jair Bolsonaro, vota na Escola Municipal Rosa da Fonseca, na vila militar, na zona oeste do Rio de Janeiro. (Foto: Eduardo Anizelli/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - O presidente Jair Bolsonaro (PL) publicou um vídeo em que pede para seus apoiadores liberarem rodovias que estão obstruídas em protesto contra a vitória do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições deste ano.

O mandatário diz que outras manifestações, em praças e locais públicas, são "do jogo democrático" e não comenta o teor golpista dos protestos.

O chefe do Executivo diz que "está tão chateado e tão triste" quanto seus apoiadores, mas que é preciso ter "a cabeça no lugar".

"Mas tem algo que não é legal: o fechamento de rodovias pelo Brasil prejudica o direito de ir e vir das pessoas, está lá na nossa Constituição e sempre estivemos dentro das quatro linhas", afirma.

Ele critica o fechamento de rodovias. "Isso não faz parte, no meu entender, de manifestações legítimas. Não vamos perder nossa legitimidade", afirma.

O vídeo foi publicado pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, nas redes sociais e, logo depois, foi publicado na página do Youtube do presidente.