Mercado abrirá em 9 h 58 min

Bolsonaro cancela ida a Davos por questões políticas e de segurança

Fabio Murakawa

O brasileiro vem demonstrando apoio a ação do presidente americano Donald Trump no Irã O presidente Jair Bolsonaro cancelou a viagem que faria a Davos, na Suíça, para participar do Fórum Econômico Mundial. A informação foi oficializada pelo porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, em Brasília.

O porta-voz disse que a decisão se deve a uma análise de aspectos políticos e de segurança. A viagem de Bolsonaro estava prevista para o período entre 21 e 24 de janeiro.

Ontem, Bolsonaro já havia dito que a viagem estava em reavaliação. “O mundo tem seus problemas, questão de segurança”, justificou brevemente.

O brasileiro vem demonstrando apoio a ação do presidente americano Donald Trump no Irã. Na sexta-feira, um ataque dos EUA com o uso de drone matou o general iraniano Qassim Suleimani, chefe da Guarda Revolucionária daquele país. Ontem, o Irã atacou com mísseis bases no Iraque onde estão militares americanos.

Bolsonaro acompanha discurso de Trump sobre conflito com Irã

Reprodução/Facebook