Mercado abrirá em 7 h 31 min
  • BOVESPA

    100.552,44
    +12,44 (+0,01%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.669,25
    +467,45 (+1,22%)
     
  • PETROLEO CRU

    39,82
    -0,21 (-0,52%)
     
  • OURO

    1.916,50
    -13,00 (-0,67%)
     
  • BTC-USD

    12.755,85
    +1.698,85 (+15,36%)
     
  • CMC Crypto 200

    255,79
    +10,90 (+4,45%)
     
  • S&P500

    3.435,56
    -7,56 (-0,22%)
     
  • DOW JONES

    28.210,82
    -97,98 (-0,35%)
     
  • FTSE

    5.776,50
    -112,72 (-1,91%)
     
  • HANG SENG

    24.699,11
    -55,31 (-0,22%)
     
  • NIKKEI

    23.452,43
    -114,57 (-0,49%)
     
  • NASDAQ

    11.619,50
    -71,75 (-0,61%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6413
    -0,0087 (-0,13%)
     

Bolsas desaceleram em NY com relato de que ainda não há acordo sobre pacote

Valor
·1 minuto de leitura

A presidente da Câmara dos EUA afirmou em rede social que as negociações continuarão nos próximos dias Os índices acionários em Nova York desaceleraram os ganhos após notícias de que a presidente da Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, e o secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Steve Mnuchin, não chegaram a um acordo sobre o novo pacote de estímulos fiscais. Os líderes, contudo, afirmaram que as negociações devem prosseguir. Há pouco, o Dow Jones operava em alta de 0,72%, aos 27.666,95 pontos, enquanto o S&P 500 avançava 0,41%, aos 3.353,62 pontos. O índice eletrônico Nasdaq subia 0,35%, aos 11.140,40 pontos. Nas máximas do dia, o Dow Jones chegou a subir mais de 2%. A presidente da Câmara dos EUA afirmou em sua rede social que as negociações continuarão nos próximos dias. "Hoje, Steven Mnuchin e eu tive uma longa conversa e encontramos áreas onde estamos buscando mais esclarecimentos. Nossa conversa vai continuar", afirmou. Michael Nagle/Bloomberg