Bolsas de NY passam a subir após reunião de Obama

As bolsas de Nova York inverteram a direção e passaram a subir após o fim da reunião do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, com líderes do Congresso para negociar maneiras de evitar o chamado "abismo fiscal" - uma série de cortes de gastos e aumentos de impostos automáticos programada para entrar em vigor no começo do ano que vem e que pode fazer a economia entrar em recessão.

Por volta das 15h15 o índice Dow Jones subia 0,31%, o Nasdaq avançava 0,27% e o S&P 500 ganhava 0,71%. Após o fim da reunião, o presidente do Senado, o democrata Harry Reid, disse que se sente "muito bem" com o que foi discutido e que os líderes não vão esperar até o último dia para fechar um acordo. Já o presidente da Câmara, o republicano John Boehner, afirmou que só aceita aumentos de receita se houver cortes de gastos ao mesmo tempo. As informações são da Dow Jones.

Carregando...