Bolsas de NY fecham em alta com noticiário favorável

As Bolsas de Nova York fecharam em alta nesta sexta-feira, impulsionadas por dados positivos sobre a economia da Europa e notícias corporativas, como os balanços da fabricante de computadores HP e da seguradora AIG.

O índice Dow Jones ganhou 119,95 pontos (0,86%) e terminou a 14.000,57 pontos. Na semana, houve alta de 0,13%. O Nasdaq avançou 30,33 pontos (0,97%), encerrando a 3.161,82 pontos. No acumulado da semana, entretanto, o índice perdeu 0,95%. O S&P 500 subiu 13,18 pontos (0,88%), finalizando a 1.515,60 pontos. Mesmo assim, houve queda de 0,28% na semana.

Sem indicadores econômicos relevantes nos Estados Unidos, os investidores foram influenciados por dados da Europa, onde o índice IFO de confiança das empresas da Alemanha subiu para 107,4 em fevereiro, de 104,3 em janeiro, registrando a maior alta desde julho de 2010.

Alguns analistas apontam que a alta deste pregão nos mercados norte-americanos pode ser uma correção da queda acentuada nos últimos dois dias, provocada pela divulgação da ata da reunião de janeiro do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) do Federal Reserve (Fed). O documento sugere que as ações de estímulo do banco central dos EUA podem acabar antes do previsto.

"Para mim, o mercado reagiu exageradamente à ata do Fed. Os membros do Fomc vão manter as taxas de juro baixas e vão continuar a comprar títulos de baixo risco por um bom tempo", disse Scott Wren, estrategista sênior de ações da Wells Fargo Advisors.

Wasif Latif, vice-presidente de investimentos em ações da USAA Investments, aponta para os dados da Europa. "Do ponto de vista dos EUA, a Alemanha é uma economia muito industrial e voltada para as exportações. Se eles estão otimistas com suas carteiras de encomendas, então há motivos para se estar otimista globalmente", afirmou.

No noticiário corporativo, as Bolsas de Nova York foram influenciadas por dois balanços divulgados na noite passada. A empresa de tecnologia Hewlett-Packard teve lucro trimestral maior do que o previsto pelos analistas e fez projeções acima do esperado para seus ganhos futuros. A seguradora AIG, por sua vez, anunciou um lucro operacional trimestral inesperado. Com isso, a HP subiu 12,28% nesta sexta-feira, enquanto a AIG avançou 3,14%.

A Texas Instruments teve valorização de 5,23%, após revelar na véspera um aumento de 33% no seu dividendo trimestral e uma elevação de US$ 5 bilhões no seu programa de recompra de ações. Do outro lado, a Abercrombie & Fitch perdeu 4,46%, depois de fornecer uma estimativa de lucro que ficou abaixo das projeções dos analistas e afirmar que deve fechar de 40 a 50 lojas nos EUA em 2013. As informações são da Dow Jones.

Carregando...