Mercado abrirá em 8 h 17 min
  • BOVESPA

    101.016,96
    -242,79 (-0,24%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.245,86
    -461,86 (-1,19%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,71
    +0,15 (+0,39%)
     
  • OURO

    1.909,90
    +4,20 (+0,22%)
     
  • BTC-USD

    13.079,49
    -29,29 (-0,22%)
     
  • CMC Crypto 200

    260,58
    -2,84 (-1,08%)
     
  • S&P500

    3.400,97
    -64,42 (-1,86%)
     
  • DOW JONES

    27.685,38
    -650,19 (-2,29%)
     
  • FTSE

    5.792,01
    -68,27 (-1,16%)
     
  • HANG SENG

    24.647,69
    -271,09 (-1,09%)
     
  • NIKKEI

    23.428,70
    -65,64 (-0,28%)
     
  • NASDAQ

    11.505,25
    +13,00 (+0,11%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6455
    +0,0050 (+0,08%)
     

Bolsas europeias esfriam após ganhos fortes e operam em queda moderada

Rafael Vazquez
·2 minutos de leitura

Incertezas políticas e preocupações sobre impacto de segunda onda de pandemia prevalecem depois de sessão positiva na véspera As bolsas europeias operam em queda moderada nesta terça-feira, em meio a incertezas políticas e preocupações sobre o impacto econômico de uma segunda onda da covid-19. Segundo a Universidade Johns Hopkins, o número de mortos pela doença ultrapassou 1 milhão e as temperaturas mais frias no hemisfério norte causam receios de que as restrições impostas para controlar a pandemia voltem a causar paralisações na atividade econômica. Depois de subir 2,2% na sessão de ontem, nesta manhã o Stoxx Europe 600 caía 0,32%, a 362,23 pontos, por volta de 8h55. O DAX, índice de referência da Bolsa de Frankfurt, recuava 0,41%, a 12.817,65 pontos; o FTSE 100, de Londres, perdia 0,40%, a 5.904,34 pontos; e o CAC 40, de Paris, cedia 0,10%, a 4.838,20 pontos. Em Madri, o Ibex 35 caía 0,28%, enquanto em Milão o FTSE MIB ia na direção contrária e tinha leve alta de 0,05%. Cyril Marcilhacy/Bloomberg O Reino Unido mantém nesta semana negociações com a União Europeia sobre o projeto de lei britânico que pretende desfazer elementos do acordo do Brexit. O principal evento do dia, contudo, acontecerá após o fechamento dos mercados europeu e americano, que é o primeiro debate entre o presidente Donald Trump e o ex-vice-presidente Joe Biden, candidatos à eleição presidencial nos EUA. No noticiário corporativo, as ações da Ferguson subiam e as da Valmet, fabricante de tecnologia de celulose, caíam 6% após abordar a fabricante de válvulas Neles sobre uma fusão. A Valmet, que já é o principal acionista da Neles, não divulgou os termos. A gigante da engenharia Alfa Laval também está tentando comprar a Neles.