Mercado fechado
  • BOVESPA

    113.282,67
    -781,33 (-0,68%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.105,71
    -358,59 (-0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    74,57
    +0,59 (+0,80%)
     
  • OURO

    1.748,90
    -2,80 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    42.969,85
    +322,12 (+0,76%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.067,20
    -35,86 (-3,25%)
     
  • S&P500

    4.455,48
    +6,50 (+0,15%)
     
  • DOW JONES

    34.798,00
    +33,20 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.051,48
    -26,87 (-0,38%)
     
  • HANG SENG

    24.192,16
    -318,84 (-1,30%)
     
  • NIKKEI

    30.248,81
    +609,41 (+2,06%)
     
  • NASDAQ

    15.307,00
    -11,75 (-0,08%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2556
    0,0000 (0,00%)
     

Wall St fecha em queda pressionada por grandes empresas de tecnologia

·2 minuto de leitura
Bolsa de NY

Por Noel Randewich

(Reuters) - Wall Street fechou em queda nesta quarta-feira, abalada por preocupações de que a variante do coronavírus Delta possa prejudicar a recuperação da economia e em meio à incerteza sobre quando o Federal Reserve poderá retirar suas políticas de estímulo.

A Apple e o Facebook caíram cerca de 1% depois de terem ajudado a empurrar o Nasdaq a níveis recordes de alta na sessão anterior. As quedas nesses dois gigantes do Vale do Silício contribuíram mais do que qualquer outra empresa para o declínio do S&P 500 nesta sessão.

Investidores ficaram mais cautelosos após os fracos dados da folha de pagamento de agosto, conforme pressões de custos crescentes, mesmo em meio à desaceleração da economia, aumentaram as preocupações de que o Fed poderia agir mais cedo do que o esperado para reduzir as medidas monetárias massivas aprovadas no ano passado para proteger a economia da pandemia do coronavírus.

A economia dos EUA "desacelerou ligeiramente" em agosto à medida que cresceram as preocupações sobre como o aumento renovado de casos de coronavírus afetaria a recuperação econômica, disse o Fed na quarta-feira em seu último Livro Bege, compilação de relatórios sobre a economia.

O S&P 500 caiu menos de 1% desde seu recorde de fechamento na quinta-feira passada, e permanece em alta de 20% no acumulado do ano, impulsionado pela política monetária estimulativa do Fed.

"Os investidores estão puxando as pétalas de uma margarida, dizendo: 'A economia vai crescer, a economia não vai crescer'", disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos do CFRA. "Eles não conseguem se decidir, então não têm compromisso com posições de longo prazo."

O Dow Jones caiu 0,2% para encerrar em 35.031,07 pontos, enquanto o S&P 500 perdeu 0,13% para 4.514,07 pontos. O Nasdaq Composite caiu 0,57% a 15.286,64 pontos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos